Acredite se quiser: Obama diz que a mídia "de direita" é que fugiu da verdade

0
98

Nesta terça, durante encontro com o primeiro ministro socialista grego Alexis Tsipras, o presidente americano – que terá que entregar seu cargo em breve para Donald Trump – disse que a “retórica de políticos republicanos, ativistas e a mídia de direita foi bastante problemática e não necessariamente conectada com os fatos, e mesmo assim foi utilizada efetivamente para mobilizar as pessoas”.

Como se nota, o cinismo dessa gente não pára. Pesquisa recém-lançada mostra que 78% da população acha que a mídia foi parcial na cobertura das eleições norte-americanas.

O presidente do Media Research Center, Brent Bozell, disse que a mídia está em “modo de pânico” após a vitória de Trump: “A mídia está sob total pânico pois os americanos rejeitaram sua agenda esquerdista – e também os rejeitaram. As pessoas não acreditam nas besteira que diz que a mídia é politicamente neutra. Até mesmo um terço dos apoiadores de Hillary acreditam que a mídia foi pró-Hillary”.

E, mesmo assim, Barack Obama diz que “o problema está na mídia de direita”. Isso mesmo! Aqueles pequenos órgãos como o Breitbart e a única organização que destoou do resto, a Fox News. É claro que Barack Obama já está jogando antecipadamente para tentar neutralizar um pouco os fatos, que apontam a grande mídia de esquerda como os grandes mentirosos do momento.

Anúncios

Deixe uma resposta