Fidel Castro é admirado por socialistas por ter tornado seu sonho horrível tão real

0
130

Adolfo Sachsida foi definitivo nesta descrição:

Fidel Castro mandou executar presos sem julgamento prévio, foi o responsável pelo assassinato e perseguição a homossexuais e adversários políticos, censurou a imprensa, criou campos de concentração, e implantou uma ditadura sangrenta que custou a vida de milhares de cubanos. É admirado por um único motivo: tornou real o sonho dos socialistas de todo o mundo.

É isso: Fidel Castro não é admirado por qualquer “promessa bonitinha”, mas pelos horrores que praticou.

As homenagens de tantos socialistas à morte de Fidel Castro comprovam simplesmente o óbvio: o socialismo é o lar perfeito para psicopatas.

Agora precisamos discutir em mais profundidade o nível de perversidade dos socialistas por estarem oficialmente apoiando tanto barbarismo. Cada socialista que tenha homenageado Fidel é uma pessoa que devemos temer.

Homenagear Fidel Castro é como homenagear Josef Stalin e Adolf Hitler. Se temos medo de pessoas que homenageiam os dois últimos, devemos fugir feito o diabo da cruz daqueles que não estão com pudor algum de homenagear Fidel.

Anúncios

Deixe uma resposta