Uma manobra política feita pelo próprio PT irá impedir o impeachment de Michel Temer

2
119

Conforme lembra o site Implicante, no final de 2015, Wadih Damous, Paulo Teixeira e Rubens Pereira Júnior pediram ao Supremo para suspender o rito do impeachment definido por Eduardo Cunha. O trio pertencia ao PT e sua mais clássica linha auxiliar, o PCdoB. Três dias depois, como era de costume, o STF deu ganho de causa aos petistas.

O problema é que a manobra feita pelos sujeitos foi extremamente útil contra eles próprios. O que eles fizeram, na prática, foi dar mais poderes ao presidente da Câmara, impedindo que uma minoria de deputados pudesse formar uma comissão e avaliar o caso por conta própria. Isso por si só serviu para ferrar com Dilma, uma vez que Eduardo Cunha, na ocasião presidente da casa, pode aceitar o pedido de impeachment quando quis sem contestações.

O que acontece é que agora a mini-bancada do PSOL na Câmara quer pedir o impeachment de Michel Temer, e graças a esta manobra feita pelos próprios petistas, esse pedido pode ser simplesmente ignorado pelo atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Aliás, é provavelmente isso mesmo que vai acontecer.

#NãoVaiTerGolpe.

Anúncios

2 COMMENTS

  1. Demorou quase dois anos e toneladas de provas da roubalheira do PT para a Dilma ser impichada. Não é uma conversinha de telefone que vai impichar o Temer. Vocês estão caindo na armadilha ao repercutir essa gente cujo único objetivo é criar o caos.

Deixe uma resposta