Milo desintegra sujeitinho arrogante que o acusou falsamente de racismo

2
123

Este blog já disse mais de uma vez: Milo Yiannopoulos deveria ser um exemplo para todos de nós quanto a postura a tomar diante dos fascistas culturais (tropa do politicamente correto) e demais perspectivas do esquerdismo e ultraesquerdismo.

Milo se destaca não apenas por sua assertividade no desmascaramento do adversário, como também pelo alto nível de ridicularização imposto sobre o inimigo. Outro fator de destaque é o esvaziamento do discurso alheio. Ou seja, quase todas as mentiras do adversário são tratadas pelo que são: embustes, e não como se fossem “argumentação”.

Veja abaixo, em vídeo da Embaixada da Resistência, como Milo limpa o chão com o ego de um sujeitinho que lançou sobre ele uma falsa acusação de racismo:

Anúncios

2 COMMENTS

  1. O que eu acho lindo e mortifero nas narrativas dele,principalmente quando se defende de alguma acusação ou insinuação maldosa, é que ele descarrega uma verdadeira tempestade de argumentos que estonteia seu oponente,não deixando espaço para que o mesmo consiga ,ao menos, coordenar um pensamento. Ele é o verdadeiro dono da situação.

Deixe uma resposta