Putin humilha o chorão Obama: “ou prova ou cala a boca”

1
129

Esquerdista é sempre assim: começa com a típica choradeira sem motivo até que alguém resolva, finalmente, fazê-los pagar o preço da baixeza. Caso contrário, eles não param, por não possuir senso moral.

Desde a derrota de Hillary, a escória de Obama não para de dizer que a Rússia hackeou os Estados Unidos para influenciar nas eleições. Eles seguiam repetindo a ladainha no mesmo ritmo em que os petistas diziam “impeachment é golpe” naquele ritmo de batida de bife.

Pois Vladimir Putin se cansou da palhaçada. O Kremlin disse, a partir do portavoz Dmitry Peskov: “Ou vocês param de falar sobre o assunto ou então fornecem alguma prova. Caso contrário, isso já parece indecente”.

Obama usou alguns esquerdistas de dentro da CIA para dizer que possuíam “alta confiança” de que a Rússia havia hackeado os e-mails. Mas, como sempre, não apresentaram prova alguma.

Sergei Lavrov, ministro russo do exterior, disse: “Eu acho que é apenas estúpido, e a futilidade da tentativa de convencer alguém quanto a isso é absolutamente óbvia”.

Trump também ridicularizou os chorões: “Se a Rússia, ou qualquer outra entidade, estava hackeando, então porque a Casa Branca demorou tanto para agir? Por que resolveram reclamar somente após a derrota de Hillary?”.

Seja lá como for, com o perdão do trocadilho, Vladimir se cansou: ele ficou Putin.

Anúncios

1 COMMENT

  1. O me custa entender é:

    POR QUE NINGUÈM COBRA A INVESTIGAÇÃO DAS DENÚNCIAS para esclarecer a ATUAÇÃO NOCIVA dos CLINTON???

    Estão criticando o MENSAGEIRO?

    O que tem que ser investigado é o crime praticado e NÃO quem o DENUNCIOU.
    Já admitiram que os emails existiram e que foram desabonadores para Clinton.

    Então, qual a razão de focar em quem denunciou os crimes EM VEZ de FOCAR nos CRIMES???

    Bah! Tchê!!! …não confundir com Chê …rsrs

Deixe uma resposta