Narrativa do 'coitadinho perseguido', de Lula, vira pó depois da delação da Odebrecht

4
83

A delação da Odebrecht trouxe uma série de fatos e documentos que jogaram na lama a narrativa lulista de ser um “coitadinho perseguido”. Tanto Emílio quanto Marcelo Odebrecht, os dois chefões do crime, confirmaram em suas delações que Lula e Dilma estavam envolvidos até o pescoço. Confirmaram o óbvio, é claro, mas para fins jurídicos.

Agora Lula também é investigado pela Justiça americana. O DOJ está de olho nas atividades do molusco e lá, segundo documentos, os procuradores se referem a ele como “Brazilian Official 1”. O que ele dirá? Dirá que todos juízes e investigadores do mundo estão em uma mega conspiração para derrubá-lo? Sim, ele provavelmente dirá algo similar, mas a estória não vai colar nem entre os próprios petistas.

Estamos num momento em que o PT não consegue mais parar de sangrar, daí a tática é, como sempre, atacar seus opositores – é a tática certa, a propósito. Nunca ficam na defensiva. Porém, mesmo a tática certa tem seus pontos baixos, e na atual situação é praticamente impossível os petistas estancarem a ferida. Lula será preso, talvez não amanhã, mas em algum momento. Mesmo que não seja, sua carreira política já era.

O fato é que a narrativa de um Lula coitado, perseguido por juízes e procuradores tucanos malvadões, não funciona mais. Ela não encontra mais eco na realidade. Acabou!

Anúncios

4 COMMENTS

  1. O assunto é interessante… mas achei o texto e os argumentos muito fracos, como todos textos desse blog… sou contra o PT tbm… mas os textos desse blog são horríveis… sem base argumentativa fundamentada… parece conversa de bêbado…

Deixe uma resposta