Quando Milo desmascarou a mentira da mídia esquerdista sobre a "pizzaria que não serve gays"

0
126

No início de 2015, a grande mídia norte-americana criou uma das mais crueis “fake news” da história recente: disse que uma pizzaria “não atendia gays”. O objetivo era destruir o negócio de uma família trabalhadora, por puro sadismo.

A pizzaria chegou até a fechar, mas os conservadores reagiram: a pizzaria recebeu US$ 842 mil em doações de pessoas revoltadas com a crueldade feita pelos fascistas culturais. A pizzaria reabriu.

Em um vídeo da Embaixada da Resistência, vemos Milo Yiannopoulos entrevistando os donos da pizzaria.

Assista, tanto para sentir um alívio (pois a vida da família foi  recuperada e os fascistas culturais perderam), como para sentir nojo do que tentaram fazer com eles:

Anúncios

Deixe uma resposta