Os acertos e os erros de Meryl Streep

5
85

O discurso de Meryl Streep na premiação do Globo de Ouro foi o assunto mais falado de ontem. Muitas pessoas criticaram seu discurso, outras elogiaram, mas aqui vamos entender quais foram os erros e os acertos da abordagem escolhida pela atriz. Esta é, portanto, uma análise puramente técnica.

Em primeiro caso, temos um padrão. Meryl usou em seu discurso duas técnicas claras:

  1. Colocou seu oponente (no caso, Trump e seus apoiadores) como inimigo de todos os imigrantes.
  2. Colocou seu oponente como insensível e cruel por ter, supostamente, tirado sarro de um sujeito com deficiência física.

As duas técnicas seguem o padrão “vítima – herói – vilão”, que é comum nos discursos proferidos pelos intelectuais de esquerda. Eles sempre tentam se colocar na posição de vítimas ou de heróis, às vezes ambos, enquanto nos colocam como vilões a serem combatidos. Até aí, tudo certo. Ela executou esta técnica com certa maestria.

Onde, então, Meryl errou?

Ela cometeu dois deslizes que, em outros momentos, poderiam até passar batidos, mas hoje dificilmente passariam. O primeiro deles foi inserir mentiras no meio de seu discurso. Normalmente a esquerda mente, e isso poderia até não ser um problema para ela, exceto pelo fato de que atualmente a direita está um pouco mais atenta do que de costume. Sendo assim, logo que ela mentiu suas mentiras foram expostas e ela acabou passando por cínica.

O outro deslize foi o fato de ter criado um ponto de segregação em sua narrativa. Ao atacar esportistas como jogadores de futebol e lutadores de MMA, colocando-os como categorias inferiores aos atores de Hollywood, a atriz gerou a oportunidade para que seus opositores a tratassem como elitista. Deste modo, o padrão “vítima – herói – vilão” se torna potencialmente útil contra ela, e em parte já foi. Houve reação por parte de lutadores de MMA e jogadores de futebol que se sentiram ofendidos com o fato de serem rebaixados em seu discurso.

Ou seja, a técnica de Meryl foi correta, mas ela acabou pecando por ter mentido de forma clara em um momento no qual as mentiras têm ficado mais difíceis de esconder. Ela também pecou por ter feito um discurso segregacionista. Foi isso o que a complicou. Eis a guerra política se tornando mais plural e, com isso, mais sofisticada e bela.

Anúncios

5 COMMENTS

  1. O discurso dela deu a entender, que os americanos não tem potencial e talento artístico para serem qualquer coisa diferente de meros desportistas.

    As manchetes da mídia esquerdista americana dá até tristeza de ler
    Eles estão desesperados.

    1) A primeira tentativa de Donald Trump de ignorar a lei
    https://www.washingtonpost.com/news/the-fix/wp/2017/01/10/donald-trumps-first-attempt-to-ignore-the-law/

    2) O absurdo de atacar celebridades para defender Donald Trump
    https://www.theatlantic.com/politics/archive/2017/01/the-farce-of-attacking-celebrities-in-defense-of-donald-trump/512636/

    3) Donald Trump da pequena América: Um olhar dentro de seu Twitter
    http://www.chicagotribune.com/news/opinion/huppke/ct-trump-twitter-huppke-20170109-story.html

    4) Agora nós sabemos o quanto um aperto de mão com Donald Trump vale em Wall Street
    https://www.washingtonpost.com/news/wonk/wp/2017/01/10/now-we-know-how-much-a-handshake-with-donald-trump-is-worth-on-wall-street/

    5) Juíza de Manhattan lança processo por difamação contra Donald Trump
    http://www.nydailynews.com/news/national/manhattan-judge-tosses-libel-lawsuit-donald-trump-article-1.2942831

    6) Madonna Compara o “pesadelo” Donald Trump como ser despejada pelo ex-amante
    http://www.huffingtonpost.com/entry/madonna-compares-donald-trump-nightmare-to-being-dumped-by-an-ex-lover_us_5874f067e4b043ad97e5b20e

    7) Donald Trump está manipulando a todos nós
    http://edition.cnn.com/2017/01/10/opinions/donald-trump-is-gaslighting-america-ghitis/

    8) Quem é o magnata chinês que o genro de Donald Trump se encontrou?
    http://www.forbes.com/forbes/welcome/?toURL=http://www.forbes.com/sites/kerryadolan/2017/01/09/who-is-the-chinese-tycoon-that-donald-trumps-son-in-law-met-with/

    9) Donald Trump: Um parasita de toda vida de Hollywood, foi transformado num amante desprezado
    http://www.thedailybeast.com/articles/2017/01/09/donald-trump-a-lifelong-hollywood-hanger-on-turned-spurned-lover.html

    10) Esta nova pesquisa tem todos os tipos de más notícias para Donald Trump
    https://www.washingtonpost.com/news/the-fix/wp/2017/01/10/this-new-poll-has-all-kinds-of-bad-news-for-donald-trump/

    11) Donald Trump é uma organização de mídia
    http://www.cjr.org/tow_center/donald_trump_media_organization.php

    12) As três palavras mais temidas para candidatos de Trump em suas audiências de confirmação: ‘Donald Trump disse…’
    https://www.washingtonpost.com/news/the-fix/wp/2017/01/10/the-three-most-dreaded-words-for-donald-trumps-nominees-in-their-confirmation-hearings-donald-trump-said/

    13) Inauguração de Donald Trump : Preocupações éticas giram em torno equipe de Trump
    http://www.bbc.com/news/world-us-canada-38526346

    14) 10.000 empregos e Donald Trump não se importa com nenhum deles
    http://www.huffingtonpost.com/entry/donald-trump-retail-jobs_us_58751307e4b099cdb0ffa13d

    15) O nomeado de Donald Trump, Jeff Sessions é uma ameaça à justiça
    http://time.com/4625760/jeff-sessions-attorney-general-criminal-justice/

    16) As Mulheres republicanas alienadas com Donald Trump
    https://www.theatlantic.com/politics/archive/2017/01/republican-women-donald-trump/512558/

    Veja quem são os jornais que publicam essas coisas.
    Parecem jornalecos de quinta categoria

  2. Meryl acertou em quase tudo, foi brilhante em sua fala cheias de mentiras, ocupou espaço ( certamente ela armou com os organizadores do evento), só errando quando, parece, tentou improvisar, falou do MMA e Futebol Americano. Porém, muitos dos atacados a apoiaram contra o Trump, só poucos nomes importantes conseguiram contestar completamente a atriz. Os Globes foram uma amostra do que virá, se preparem pra ter muito mais disso em várias premiações e eventos organizados por esquerdistas, dia 2 de fevereiro tem o BAFTA, dia 26 do mesmo mês o Oscar, dia 7 de fevereiro tem Lady Gaga no intervalo do Superbowl.

  3. Hoje estava passando “Desventuras em série” na TV. Eu falei pro meu marido:”Me chama pra ver a Meryl Streep morrer!” Hahahaha
    Ela morreu.

  4. Melhor que ela explicando como o mundo sentiria falta dos astros esquerdistas de Róliude é o Derek Zoolander falando da importância social dos modelos masculinos.

Deixe uma resposta