Prisão de Boulos por agressão durante invasão desmoraliza de vez deputados que lhe deram medalha

3
74

Não se sabe ao certo quem decidiu dar a medalha de Mérito Legislativo a Guilherme Boulos, no ano passado, mas sabe-se que boa gente não é.

A tal medalha tem como finalidade reconhecer e homenagear figuras importantes por seus serviços prestados à sociedade. Os premiados podem ser músicos relevantes, cientistas, políticos e quaisquer personalidades que tenham feito algo notório e que seja reconhecido pelo povo. Aí, é claro, entra a pergunta: Qual o mérito de Boulos, um sujeito que lidera um grupo de arruaceiros que queimam pneus, tombam carros, picham muros e depredam tudo o que há no caminho?

Há de ser observado, aliás, que o sujeito recebeu a tal medalha um dia depois que o MTST causou o maior transtorno em Brasília, cometendo atos de extrema violência, incendiando ônibus e inclusive esfaqueando o policial. Na cerimônia, o próprio presidente da casa se fez presente, como é protocolar, mas ao lado de Boulos estava Ivan Valente, do PSOL, aquele partido que “não tem nada a ver com o PT”.

Hoje, com a prisão do petista após ele ter jogado rojões contra a PM, ficou bem clara a situação daqueles que escolheram homenageá-lo. Sejam quem forem, estão desmoralizados.

Anúncios

3 COMMENTS

  1. Não deu nem 24 horas do cara dentro da cadeia… que país é esse?

    Terrorista, líder de um movimento de sem tetos, (mas que deve ter uma bela casa), desagregador, interesseiro, bandido, vândalo, mas ficar preso por quê?

Deixe uma resposta