Por que Lindbergh ficou escondido enquanto duas mulheres saíram para brigar e fazer barraco?

9
159

Pouco resta para se falar da baixaria dada por uma vereadora do PT, Juliana Cardoso, e uma de suas assessoras na Câmara de Vereadores de SP.

Aqui vão os links:

O MBL acaba de lançar um vídeo divertidíssimo, chamado “Gaiola das petralhudas”:

A pergunta que fica: por que Lindbergh não saiu para brigar junto com as duas mulheres petistas? Teria ele decidido se esconder enquanto as mulheres do PT – talvez as “feministas de grelo duro”, que Lula mencionou em áudios vazados em março de 2016 – saíram para dar o barraco e se queimarem publicamente?

Eis a dúvida que fica no ar.

Em tempo: eu sou um defensor da “não violência”. Portanto não acho que ninguém deveria sair para brigar, mas sim para debater. No entanto, já que as mulheres petistas saíram para o quebra-quebra, por que Lindbergh não teria sido ao menos solidário? Esse é o foco do questionamento…

Anúncios

9 COMMENTS

  1. Credo, ela ja parecem pobres e ainda com uma atitude como essas elas demonstram que sao isso mesmo. Atitude violenta, grosseira de gente sem educacao. So confirmaram o que elas parecem. MALOCAS! Onde esta o argumento da esquerdalha? Holiday esta no caminho certo, se esse lixos o agridem. Continue Holiday. Tudo o que a esquerdalha nao gosta e bom!

  2. Luciano, isso é o jogo de “soma zero” da lógica petista: Lindberg é branco, hétero e rico. Se ele atacar o Fernando Holiday, pontua contra.

    Como eles também não tem negros… sobrou para as mulheres fazer o ataque.

Deixe uma resposta