O súbito interesse da mídia nas manifestações de março é digno de suspeita

4
89

Normalmente, a grande mídia não dava tanta atenção às manifestações organizadas por movimentos como MBL e Vem Pra Rua, e quando o fazia era para dar aquelas típicas cutucadas, como dizer que “havia pessoas pedindo intervenção militar e a volta da ditadura”, mesmo que fossem cinco pessoas em meio a um milhão.

Agora, curiosamente, a mídia tem abandonado essa narrativa, não fala mais que há “pessoas pedindo a ditadura” nos protestos, e parece até ter certo prazer em incentivar as manifestações. No UOL, Josias de Souza puxou o tema e tenta fazer os manifestantes engatarem o “Fora, Temer”, um slogan que foi criado e encampado pela extrema-esquerda em todo o ano passado. Aliás, a mídia está tentando vender a mensagem de que os protestos são contra Temer.

É curioso, no mínimo, que tal postura tenha mudado tanto. A imprensa que mentia sobre quantidade de pessoas nos protestos, que forjava dados enquanto noticiava um ato pró-PT com 50 pessoas em alguma avenida qualquer, agora está do lado da direita e do povo? É digno de suspeita. O que é mais provável, no momento, é que as manifestações de março venham a ser usurpadas por grupos de extrema-esquerda, que poderão tentar fazer uso delas para vender a imagem de que “com Temer está tão ruim como estava com Dilma”, o que não é verdade senão pelos tumultos que a própria esquerda tem causado.

Vamos ver no que vai dar. Por enquanto, é bom ficar de olhos bem abertos. É provável que essas manifestações sejam um tiro no pé, como já foi dito ontem.

Anúncios

4 COMMENTS

  1. Por isso é muito importante marchar por coisas muito pontuais, como apoio a Lava Jato e fim do foro privilegiado, e NÃO contra o governo Temer. Até que ponto isso vai dar certo não sei, mas de maneira geral as pessoas estão mais conscientes.

  2. É simples isso. Deixem fazer propaganda do evento. Chegando lá, não os deixem falar e enforquem na pauta de direita (Reamamento civil, Prisão do Lula, Fim do foro privilegiado, Fim da obrigatoriedade do Vínculo Sindical, Defesa da polícia militar).

  3. E porque eles não iriam tentar tirar uma casquinha dessa oportunidade contra o Temer? esses movimentos precisam de um puxão de orelha, ou melhor, um chute na bunda!

Deixe uma resposta