Americanos fazem petição para pedir a Trump que expulse George Soros dos EUA

4
182

De acordo com o Sputnik, mais de 9.000 pessoas assinaram uma petição on-line pedindo ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que expulse o bilionário americano-húngaro George Soros dos Estados Unidos, bem como o proíba, e aos membros de sua família, de financiar e influenciar políticos americanos.

A petição não tem peso jurídico, é mais uma forma de as pessoas mostrarem insatisfação ou apoio a uma pauta. No caso específico, é muito provável que nada aconteça com Soros, uma vez que expulsar alguém do país assim, dentro de um regime democrático, não é o tipo de decisão que compete à vontade do presidente. Mesmo que Trump queira seguir essa sugestão popular, ele não pode. Ao menos não assim, a seu bel prazer. Há certos princípios e mecanismo jurídicos que certamente interfeririam em sua escolha pessoal.

Entretanto, a notícia de que milhares de pessoas estejam dispostas a exigir tal coisa é boa por si só. Mostra que o povo está acordando para as malandragens da esquerda mais radical. Soros é um meta-capitalista que invete pesado no extremismo da esquerda, financiando ONGs, partidos, movimentos sociais e todo tipo de grupos políticos cujas finalidades são, em geral, promover pautas da extrema-esquerda e gerar o caos.

É bom ver que as pessoas estão começando a acordar.

Anúncios

4 COMMENTS

  1. Acompanhando alguns fóruns estrangeiros, já vi muita gente defendendo um indiciamento do Soros por sedição. Pelo menos já é algo mais concreto, sabendo-se de todas as organizações promotoras de baderna financiadas por ele.

  2. Os capitalistas são mesmo uns ‘burros’. Eles deixam qualquer aloprado ganhar dinheiro sob seu regime para depois ser aplicado em ações contra quem o financiou.

Deixe uma resposta