Freixo se escondeu do povo em camarote caríssimo

3
354

Mais um momento bizarro da daquela extrema-esquerda que adora frequentar o posto 9, na Praia de Ipanema, no Rio.

O político do PSOL Marcelo Freixo resolveu ir no Carnaval do Rio com a elite no camarote do Folia Tropical. Estava com os atores Humberto Carrão e João Vicente de Castro.

Ele alegou “não se encaixar em nenhuma categoria dos políticos ausentes na Sapucaí -nem a dos que temem vaias nem a dos que estão na mira da Lava Jato”. Todavia, logo depois ele desceu para os blocos de rua usando uma máscara para não ser reconhecido. Disse que “senão é muita foto”.

Informações do BOL, no portal UOL, mostram que o Folia Tropical tinha preços que variavam entre R$ 2.390 a R$ 4.900. Agora se entende porque ele não queria aparecer de cara limpa.

Anúncios

3 COMMENTS

  1. GZUIS! O camarote é mais caro do que meu salário!

    Me lembrou um outro carioca da extrema esquerda elitista, o advogado petista Eduardo Goldenberg, aquele que comemorou o assalto a uma senhora e teve sua carteira roubada no reveion de 2016.

    Quanto tinha na carteira? R$ 1000 e lá vai pedrada!

    QUEM SAI COM TODO ESSE DINHEIRO NA CARTEIRA PRA UM REVEION?

    Eu no máximo saio com 10 reais e olhe lá!

    Só quem for muito cheio da grana pra sair com tudo isso, igual quem vai nesses camarotes caros. Nojo é pouco pra definir o que sinto quando olho pra cara desses infelizes. Mereciam virar vítimas dos criminosos que tanto defendem, e dane-se pois desejo mesmo isso.

Deixe uma resposta