Em outra ação terrorista, ativistas de extrema-esquerda agridem apoiadores de Trump em Berkeley. 10 foram presos.

0
62

Como estamos dizendo, a esquerda norte-americana está organizando agressões de forma sistematizada (e financiada) a indivíduos para tentar vencer o jogo a partir do terrorismo.

Com informa o SF Gate, ao menos 10 esquerdistas foram presos após agredirem os participantes de um evento pró-Trump neste sábado em Berkeley.  A mídia de esquerda, como sempre, está escondendo o caso, pois sabe que omitir a violência é uma forma de incentivá-la.  Tal como se vê no Brasil, são os black blocs que aparecem para fazer o serviço sujo. Vários apoiadores de Trump foram agredidos.

Um apoiador de Trump, Jared Malan (27), contou algo previsível: após o início da violência, vários republicanos saíram do evento. Ou seja, o projeto de empreender violência pode estar dando resultados.

Tal como dito anteriormente, uma vez que a esquerda planejou utilizar a violência como projeto político. O leitor Herberti Pedroso bem lembrou que “jamais devemos nos esquecer que [os esquerdistas] escolheram a perversidade como estilo de vida e de militância”. Mas o grande risco é que qualquer denúncia da violência seja censurada em breve. Sem essa censura, a esquerda tombará por muito tempo.

Anúncios

Deixe uma resposta