Maduro também defendeu Donald Trump. Será que Olavo irá apoiá-lo como apoiou Ciro Gomes?

76
337

De uns tempos para cá Olavo de Carvalho tem dedicado boa parte de suas postagens para rasgar elogios a Ciro Gomes, ou para reconhecer-lhe supostos talentos e alegadas virtudes. Nem entrarei nesse mérito aqui. O que quero questionar, antes de qualquer coisa, é a motivação por trás desse tipo de posicionamento.

Ontem, Olavo postou algo que no mínimo serve de régua para podermos avaliá-lo:

17630165_1496505383707374_689809801154542110_n

Aqui, temos a seguinte premissa: Quem defende ou apoia Donald Trump é melhor opção do que quem não o defende ou apoia, isso a despeito do fato de que Trump esteve por anos ao lado da família Clinton, chegando a doar para a Clinton Foundation… Isso já é outra história.

Pois bem.

Peço então ao Olavo, ou seus defensores, que me expliquem direitinho qual é o posicionamento correto diante disso:

17498479_1497782420246337_6188397529118497077_n

Ciro e Maduro estão do mesmo lado. Ambos são de extrema-esquerda, são nacional-socialistas e aliados do PT. Se Ciro é uma opção mais viável do que João Doria apenas por apoiar Trump, então Maduro também há de ser. Ou não? O que Olavo fez, além de um tipo específico de paternalismo (por considerar que Ciro seja alguém bem intencionado), é criar uma justificativa moral para que alguém prefira Ciro Gomes, aliado assumido dos petistas e ex-ministro de Lula, como uma “opção viável”. Não parece atitude realmente coerente para alguém que se vangloria por ser “a vanguarda da direita brasileira”…

Nada disso faz muito sentido. Ciro Gomes é um inimigo fundamental, é um dos nossos alvos principais porque representa uma imensa ameaça contra a liberdade e a democracia. Dar tapinha nas costas dele é algo injustificável para qualquer pessoa que se diga “de direita”, em especial alguém que diga ser a “verdadeira direita”.

Se Olavo realmente acredita que Ciro é boa gente e quer que o mesmo “aceite seus conselhos”, está agindo com ele de modo paternal. Não devemos querer que um inimigo aceite conselhos nossos, devemos querer que ele se destrua cometendo erros. Se, por outro lado, Olavo não estiver mesmo acreditando em Ciro, a alternativa que resta é a de que ele intencionalmente tenha tentado manipular as pessoas com um ataque transversal a João Doria apenas para proteger Jair Bolsonaro, o que é ainda pior do que paternalismo, é sabotagem.

Anúncios

76 COMMENTS

  1. Votar em Ciro Gomes (coronel que não consegue ter controle) é pior que votar em Lula e ou Dilma. Sem pensar, por outro lado, que fique claro jamais votaria também em Lula ou Dilma.

  2. Luciano, é evidente que o crescimento incrível do Doria vai fazer com que os bolsonaristas tomem uma posição, pois o Doria, caso se torne candidato a presidência, certamente vai roubar uma grande parte dos votos do Bolsonaro. Até então o Bolsonaro era o único presidenciável que realmente marcava uma posição ideológica forte contra o esquerdismo, mas agora surgiu o Doria, que é o único hoje que consegue ter apoio tanto da direita liberal, quanto da extrema direita. Mas os bolsonaristas ferrenhos com certeza começarão a se posicionar gradativamente contra o Doria, inicialmente com ataques sutis como este do Olavo.

    • Isso já começou quando Nando Moura, que por algum motivo faz campanha pro Bolsonaro com um babão escorrendo pela boca, publicou um video detonando João Doria, e o ÚNICO argumento é exatamente esse que o velhote astrólogo usou: um suposto “apoio” do Doria aos Clintom, como se os brasileiros estivessem interessados nisso. Ele acha por acaso que uma pessoa que vive com a família na periferia de uma capital está INTERESSADA se político tal curte político tal de OUTRO PAÍS?

      Doria mostrou em 3 meses RESULTADOS em São Paulo, resultados que o Bolsonaro, mesmo enfiando toda a família no governo e estando lá há ANOS, não chegou nem na bactéria do dedo mindinho do pé do Doria.

      Ao contrário: Jair e Eduardo essa semana derrubaram, junto com PT, PSOL e PCdoB, a PEC que permitia cursos pagos em universidades públicas. O estadismo corre nas veias desses boçais!

      Ansioso pelo dia em que Nando Moura começará a defender estadismo pra ser coerente com a campanha que faz pelo Bolsotário. Olavo já começou, igualando Ciro Gomes ao Bolsobosta.

      • Que resultados mesmo o Doria conseguiu em São Paulo? Fale-me mais respeito. Que eu saiba, além do marketing pesado e parcerias com empresas privadas, o maior feito do Dória foi sancionar uma lei espoliadora relativa a impostos. Ou você não sabe disso? O seu problema, meu amigo, é que seu ódio de militante libertário contra o Bolsonaro cega-o. O Dória nunca foi de direita, quando muito é a direita da social-democracia. E me parece sim muito válido questionar o sujeito, sacado do nada para ser alternativa a patifaria petista.

      • Troque Dória por Bolsonaro em seu post e responda a mesma pergunta. É essa falta de visão de seguidores do Bolsonaro que está ferrando com ele. Ou seja: se ele não é viável, a culpa é de vocês.

        Vocês estão vendo como se faz, mas ao invés de entrar em contato com o Bolsonaro de falar “presta atenção, os caras estão fazendo marketing viral, tá dando certo, não fica parado, faça um modelo melhor ainda…”, o que é que vocês fazem?

        Vão nos sites reclamar de quem consegue ter essas sacadas. DEU MUITO CERTO PARA OS PETISTAS, NÃO É??? POR QUE RAIOS VOCÊS ACHAM QUE VAI DAR CERTO PARA O BOLSONARO???

      • Me senti lendo a página de um haddadista no seu comentário.

        Então Doria “só” conseguiu (inúmeras) parcerias com a iniciativa privada, por isso ele é um bosta? Todo dia aparece uma boa notícia da gestão dele e ele é só um “sujeito sacado do nada”?

        E claro, pra você, como eu não gosto dos Bolsonaros, aqueles cuja única ação é barrar qualquer projeto de lei que vise desestatização ou diminuição de gastos públicos junto à petezada, então sou “cego”?

        Essa campanha bolsonarista, além de amadora, é uma piada. Bom ver o quanto vocês estão com medo. Uma dica: com ou sem Doria, não vai rolar Bostanaro. Terá no MÁXIMO um 4o. lugar e olhe lá.

  3. O Olavo tá longe de pensar a política nesse sentido da disputa partidária, se a opinião dele em frases de twitter vai beneficiar esse ou aquele candidado/pessoa, combates menores da Guerra Política, vejam que recentemente ele voltou a falar da Rússia, do Putin (aliado circunstancial dos nacionalistas americanos), e do eurasianismo de Duguin. Mas, baixando pra disputa de cargos, vejo que o OdeC apoia o Bolsonaro, e não gosta do fabianismo do Dória, mas comentou sobre o Ciro sem qualquer tipo de preocupação com as torcidas.

    • E colocou Ciro Gomes em pé de igualdade. Ao menos nisso o velhote astrólogo é mais lúcido que a bolsonetada: sabe que Ciro e Bolsotário são iguais. Duas merdas, diga-se de passagem.

  4. Todo ser humano vive de acordo com seus valores, e as pessoas que tem algum tipo de poder sempre tentam impor seus valores aos outros.
    Um marido que tem poder sobre a esposa impõe seus valores à ela, e o contrário também acontece.
    Um líder religioso que tem o poder da manipulação mental sobre os fiéis impõe seus valos à eles.
    Uma pessoa que tem poder político tenta impor seus valores (sua ideologia) sobre a população colocando em postos chave pessoas ideologicamente concordantes; isso é a ocupação de espaço.
    Ocupação de espaço ocorre quando valores de um grupo se impõe para dominar o todo.
    Ciro Gomes e João Doria são péssimas escolhas para governar este país pelo simples fato que ambos são adeptos dos valores socialista.
    A História mostra e prova o quão maligno foi o socialismo/comunismo/marxismo quando fincou suas guarras nas populações dos países dominados por eles. Os valores dessa ideologia maligna são quase unanimidade no Brasil e mostram claramente sua verdadeira face.
    Quanto ao Olavo de Carvalho reconheço que é inteligente e culto, mas ele não pensar por mim e nem me representa.

  5. Luciano, você acha mesmo que o Olavo está sendo apenas paternalista? Você não cogita a hipótese dele estar sendo mal intencionado? Não acho que um cara com a informação e a experiencia do Olavo possa ser assim tão inocente.

  6. Ciro e Maduro são “nacional-socialistas” (ou seja, nazistas)? Tudo bem que eles são de esquerda, mas eles estão longe de chegar ao patamar dos nazistas, pelo menos nunca vi eles elogiando o Hitler.

    • Bolsonaro, cujo qual Olavo igualou com Ciro Gomes, é uma versão brazuca do nazismo: estadismo ferrenho OK, morte de inocentes OK, desaparecimento de minorias OK, morte para quem é de outra religião que não a dele OK. Estes são os valores do deputado que além de tudo isso também é ótimo em fazer papelão, visto o vácuo que tomou hoje ao tentar tietar Sérgio Moro no aeroporto.

      • Você é louco, rapaz. Louco e mentiroso. Ainda bem para você que o Bolsonaro comete o equívoco de não meter processo de calúnia e difamação. Queria ver você provar na justiça isso que está escrevendo. Uma pena o Ayan não fazer um filtro para impedir que malucos como você comprometam o site.

      • Quer que eu prove? Eu provo:

        Estadismo ferrenho: até o colega fnd concordou, ufa, alguém lúcido enfim!

        Morte de inocentes: ele anunciou isso em entrevista dada em 1987, que era preciso uma guerra civil no Brasil e “tudo bem se morrerem alguns inocentes”. Sempre que eu cito isso, me falam “AH É, CADÊ, DEIXA EU VER”. Eu envio o VÍDEO, no qual lá está o PRÓPRIO Bolsonaro falando isso já que é uma entrevista para TV. Mas aí qual a reação do bolsonete? Ou some ou começa a gritar pra parede que eu sou mentiroso. No primeiro caso, é um cuzão. No segundo, é clinicamente louco mesmo.

        Desaparecimento de minorias: foram as palavras dele num discurso que fez recentemente em Campina Grande, de que as minorias no Brasil precisam desaparecer. São palavras dele, não minhas. Tem o vídeo no YouTube e não adianta eu mandar pois a reação é sempre uma dessas que descrevi no tópico acima.

        Morte para quem é de outra religião: ué, ele quem disse que no Brasil governado por ele vai acabar o estado laico e haverá um estado cristão (no mesmo vídeo do discurso em Campina Grande). E quem não for cristão? Morre? Os países cujos estados são religiosos são cheios de mortes pra quem não segue a religião ou as regras dela. É isso que vocês querem?

        Tá aí provado, tópico por tópico. Não sou como vocês, que provavelmente riram dos fãs crianças do Justin Bieber que ficaram 6 meses na fila, mas são fãs do Bolsotário num grau de retardadice ainda pior já que são adultos.

      • “Morte de inocentes: ele anunciou isso em entrevista dada em 1987, que era preciso uma guerra civil no Brasil e “tudo bem se morrerem alguns inocentes”.”

        Isso não quer dizer que ele apoie a morte de inocentes(pra que ele iria causar uma guerra civil como presidente), na verdade a declaração parece até ser “direita pragmatica” kkk.

        “Desaparecimento de minorias”

        Na verdade ele falou que as minorias não devem ser cidadãos de primeira classe e subjugar a maioria da população como acontece hoje em dia. Vc gosta de homens travestis invadindo o banheiro das mulheres? Vc gosta de pessoas que tem a vida arruinada por fazer criticas aos homossexuais? Se as minorias não gostam dessa ideia, que sejam punidas caso infrinjam a lei, ou que sumam para um pais “tolerante”. Vc parece aquele pessoal que simula indignação ao Bolsonaro dizer “vc não merece ser estrupada”.

        “Morte para quem é de outra religião: ué, ele quem disse que no Brasil governado por ele vai acabar o estado laico e haverá um estado cristão ”

        Estado laico é uma arma usada por esquerdistas para desmoralizar religiosos. Bolsonaro quer que o estado seja cristão, e não muçulmano(ai sim as minorias deveriam se preocupar).

      • Sério que voce usou uma frase dele em 1987? entao Hayek é socialista…

        aff… passado é passado.

        Muitos grandes da direita vieram da esquerda.

      • Então por ele ter falado aquilo em 1987 (antes de eu nascer, por sinal) temos de ignorar e fingir que nunca aconteceu?

        Uma coisa é alguém dizer em 87 que gostava de maçã e em 2017 que gosta de laranja.

        Ou que em 87 que gostava de punk rock e em 2017 gosta de música clássica.

        Outra coisa MUITO diferente é alguém dizer que é preciso uma guerra civil no Brasil (por qual motivo mesmo?) e que na guerra morram alguns inocentes. Isso denota falta de caráter, essa indiferença com morte de INOCENTES, e não são 30 anos que mudarão tamanho mau caratismo. Comigo não cola não.

      • Faço 26 esse mês. Mas nem adianta vir com exemplo de: ah, quando bebê você gostava de tal coisa, agora não gosta mais né?

        Bolsonaro já era um sujeito de quase 40 anos naquela entrevista. Querer comparar isso com infância é infantilizar políticos, coisa que vocês adoram fazer. Comigo não cola não. Política é pra adultos ou não?

      • “Desaparecimento de minorias”
        “Morte para quem é de outra religião”

        Não há nada de errado em odiar um político e falar isso na internet como você está fazendo, mas mentir como você está mentindo é 100% errado.

        Interpretar o que o Bolsonaro disse dessa forma é puríssima desonestidade intelectual. E olha que nunca liguei para o que estatista inútil diz.
        Vejam o discurso e percebam que nem se quiser colocar palavras na boca dele dá para interpretar dessa maneira:

        Aliás, quase ninguém gosta e ninguém deveria ser obrigado a gostar de gays como o politicamente correto está forçando.
        São disparados os maiores transmissores da 1ª doença contagiosa que mais mata no mundo.
        Em quase 40% das mortes de gays (homens ou mulheres) é o próprio parceiro(a) que comete o homicídio. E quase na totalidade dos casos as mortes de gays não são por questões de homofobia (ou seja, além de vitimistas são mentirosos).
        São aberrações produzidos pela natureza que serão eliminados pela seleção natural se o Papai Estado não intervir e ficar continuamente criando leis e propagandas, queimando o nosso dinheiro.
        Aliás, é muito engraçado os governos ocidentais nessa questão, principalmente o Brasil. O que está fazendo gays ficarem cada vez mais comuns é o Xenoestrogênio presente, principalmente, na água tratada e nos plásticos dos alimentos. Mas isso, os governos não querem resolver criando leis, só querem criar leis inúteis que destroem a liberdade de mercado.

      • Luiz Eduardo, muito interessante e revelador o seu comentário.

        Não negou que quer assassinar os gays. Afirmou que são “aberrações” e precisam ser “eliminados”, com todas as letras. Não admira que você seja fã de um político assumidamente indiferente à morte de inocentes.

        Aos poucos vocês, fãs do Bolsonaro, estão botando as asinhas de fora e mostrando o quão são sanguinários, criminosos e falam tanto em liberar armas pra poder assassinar inocentes (gays, que na cabeça de vocês não são inocentes e merecem morrer só por existirem).

        O bom é que você provavelmente já tem por volta dos 50 anos e não vai durar mais que uns 20 anos. Assim como o Bolsonaro que tem no máximo mais uns 10 anos de vida, isso se pararem de cuspir e tacar purpurina nele e derem logo um tiro que tá demorando pra ocorrer.

        E ao longo desses poucos anos que restam-lhes de vida, vocês verão cada vez mais jovens despreocupados com a felicidade alheia e mais preocupados com a própria. Sem desejo de assassinar inocentes. Espero que vocês sofram bastante nesses poucos anos que lhes restam de vida.

    • Se hoje em dia Hitler é o satanás contemporâneo isso foi graças a propaganda judaica ao longo dos anos. Comunismo matou bem mais e não tem stigma social ao se associar com comunistas.

      • Dá pra associar Bolsonaro com qualquer comunistão, pois o perfil ideológico é o mesmo: adorar uma ditadura PRÓPRIA (na qual eles próprios sejam os ditadores, claro), estado forte, fuzilamento para quem não cumpre as regras que eles acham que deve haver, carolas no que diz respeito à ~moral e bons costumes~ com direito à morte de quem fizer algo que não corresponde a isso (afinal Fidel Castro e Che Guevara fuzilavam gays, o sonho molhado do Bolsonaro, e também negros, outros integrantes das minorias que Bolsonaro anunciou que devem “desaparecer”).

        Tá tudo ali: Hitler, Fidel, Bolsonaro, Che Guevara, tudo na mesma sacola. Só não enxerga quem é apaixonado.

      • Ninguem cai nessa de querer associar tudo de negativo com a esquerda(talvez só os libertários e os conservacornos mesmo). Acho até engraçado o pessoal que diz que o presidente da Russia é esquerdista, logo ele que é a figura mais odiada pelos esquerdistas. Se Putin é esquerdista, eu gostaria de poder importar o esquerdismo dele para o Brasil.

      • Tua declaração de que gosta do Putin revela bastante a respeito do perfil dos fãs do Bolsonaro. Nem precisa dizer mais nada, essa foi um prato cheio!

      • Eu e a maioria dos Russos gostamos do Putin. Qual o problema? acha que ele hackeou as eleições americanas? Talvez seja porque ele valorize os cristãos ortodoxos e proíba propaganda sodomita…

      • SODOMITA? SHUAHSUHAUAHU

        Olha, sei que conservadores não sabem que vivem no século XXI, mas você pelo jeito vive no pré-Cristianismo pra usar uma palavra dessas. E pra gostar do Putin também.

        Um lembrete, conservadores: vocês vão viver NO MÁXIMO mais uns 20 anos (Bolsonaro no máximo mais uns 10 ou 15), cada vez mais velhos, e verão crescer cada vez mais uma geração menos preocupada com a felicidade alheia e mais preocupada com a própria.

        Aproveitem bem vossos últimos anos de vida, pois serão difíceis, verão ao longo deles cada vez mais distância destes tempos bíblicos que querem de volta.

      • Não sei porque conservadores e liberais possuem tanta paixão cega pela democracia. Democracia é o arranjo atual mais imoral que existe (tão imoral quanto ditaduras totalitárias). É um arranjo que força, seja pela maioria ou pela vontade de burocratas eleitos pela maioria, a TODOS que vivem dentro de um território a viver da forma que uma maioria ou o governo quer.

        Como bem disse Mises no livro “Burocracia” em 1944: a democracia, deixada por si só, é um arranjo insustentável no longo prazo.
        E podemos perceber claramente que ele não estava errado, já que todos os governos democráticos estão se tornando cada vez mais socialistas aos poucos. Creio que o federalismo da Suíça seja a única exceção.

  7. ALGUÉM INTERNA ESSE VELHOTE!

    Olavo usou o mesmo argumento patético do Nando Moura para ~~proteger~~ o Bolsotário: atacar o Dória dizendo que Dória ama os Clinton! Se é verdade? FODA-SE. Doria está mostrando RESULTADOS, coisas benéficas para a cidade que moro, e um dia o fará pelo país todo.

    E Bolsotário trouxe que resultados em todos esses anos?

    Que tal o resultado recente no qual Jair e Eduardo, junto com PT, PSOL e PCdoB, derrubaram a PEC que permitia cursos pagos em universidades públicas? Bolsonaros = ESTADISTAS, a partir de agora quem negar isso não é só fã, é louco e precisa ser internado junto com o astrólogo da Virginia.

    • Os dois Bolsonaros votaram contra a cobrança de mensalidades nas federais. A explicação: se é para pagar mensalidade, que privatizem-se logo as universidades. Por que dar mais dinheiro às universidades se elas já recebem bilhões do governo? Se as verbas são mal administradas é um problema das instituições educacionais, não é cobrando mais mensalidade do pagador de imposto que se vai resolver o problema, pois seria pagar duas vezes pelo ensino: uma através do imposto e outra pela mensalidade. As universidades gastam 80% de suas verbas com pagamento de salários a servidores e professores. Está completamente errado isso. É um cabide de emprego e funciona mal. Ou privatiza para permitir a cobrança de mensalidade ou então se vire com as verbas governamentais. Cortem o excesso de servidores e diminuam-se os gastos.
      Não estavam discutindo privatização das universidades, mas a cobrança de mensalidades dos alunos de pós-graduação. As verbas do governo continuariam sendo enviadas. Seriam duas fontes de verbas.

      • Errado. Proibir isso é ser contra a LIBERDADE, contra iniciativas favoráveis à privatização, visto que quem foi contra junto com Jair Bolsonaro foram Jean Wyllys e Jandira Feghali.

        Vocês sempre inventam uma desculpa pra justificar as cagadas do Bolsonaro.

        Olavo de Carvalho já está igualando, aos elogios, ele com Ciro Gomes, um sujeito podre de estatista, e está criticando privatizações.

        Ao menos o velho percebeu que Bolsonaro é estatista e o caminho para elegê-lo é defender o aumento do Estado, pra no mínimo ser coerente. Vocês estão indo pelo mesmo caminho, e os bolivarianos adorando! Parabéns.

  8. Melhor a bicharada JAIR se acostumando.
    Mas se o Dória ganhar também não será mau negócio. Ele está no PSDBosta, mas o PSDBosta felizmente parece que não está nele. Quem ficar fora do segundo turno apóia o outro e depois vira ministro. Simples assim.

  9. Menos, Luciano, menos. Tentar sondar as intenções subjetivas do Olavo ao falar de Ciro Gomes é fácil. E as SUAS intenções, Luciano, que nem escreve com nome verdadeiro???? Eu acompanhei as postagens do Olavo, ele NUNCA apoiou Ciro Gomes, ele declara voto no Bolsonaro há mais de um ano. Qual é o seu jogo, hein?

  10. Grande elogio o de Maduro: “não será pior que o Obama”. Até parece que ele adotou o slogan “Make Venezuela Great Again”. Só que não. Existe a possibilidade de ser manipulação midiática no intuito de desmoralizar a direita, associando Trump a Maduro.

    “Ciro Gomes é um inimigo fundamental, é um dos nossos alvos principais porque representa uma imensa ameaça contra a liberdade e a democracia.”
    Como eu não acompanho muito perdedores políticos, alguém pode me explicar em detalhes a ameaça que Ciro representa? E quais suas posições a cerca do conservadorismo social,etc.?

  11. Talvez o Olavo esteja meio gaga: https://www.facebook.com/oCiroGomes/posts/1901331543428956
    “Trump é uma figura deplorável, um palhaço xenófobo, um ignorante fascistoide, ultranacionalista etc. Mas temos um problema chamado Michel Temer para lidar aqui no Brasil.”

    Cade o elogio de Ciro a Trump? Inclusive ele usou a narrativa da figura deploravel, usada pela fracassada Hillary.

    Quanto a Doria apoiar Hillary, embora lamentável, talvez ele só esteja escondendo o jogo. Doria não chega a ser politicamente incorreto como o Bolsonaro(até onde eu saiba), mas a mídia quer furiosamente colocar Doria nesse frame “polemico”. Pelo menos o Olavo reconheceu que Doria é um bom prefeito.

    • Tem que entender a dinâmica do jogo político para entender a situação atual. E a dinâmica do jogo político não possui (mais) partido, ideologia, etc. Tudo se resume q “quem eu quero lá x quem eu NÃO quero lá”. Vamos a uma análise na guerra de narrativas (veja que isso não são fatos, mas o que conseguiu “grudar no nome” dos candidatos):

      – Bolsonaro: racista, machista, homofóbico, apoiador de ditaduras, estatista;
      – Ciro: apoiador de ditaduras, contra a justiça, apoiador de corruptos, incitador de violência contra autoridade;
      – Lula: ladrão, corrupto, chefe do esquema, promover-se em cima de cadáveres, manipulador de burros;
      – Alckmin: corrupto, máfia dos trens, ladrão de merenda, governador “invisível”;
      – Aécio: cheirador de pó, “helicoca”, corrupto, machista;
      – Dória: … “cidade cinza”, “duvido que as empresas não vão ganhar um por fora”;

      Nesse contexto, quem deve ser atacado e quem deve ser elevado para “igualar o jogo”?

      Pra mim está bem claro que a capacidade do Dória de quebrar frame está incomodando. Tanto é prova disso que até o G1 está agora dizendo: “olha, olha, a meta protocolada pelo Dória não é exatamente igual à promessa da campanha”, enquanto não se vê essa preocupação em outras cidades – tudo para emplacar o frame “não cumpre o quer promete”.

      • Interessante o que vc falou mas eu queria saber onde Ciro elogiou Trump(ou até mesmo o Maduro fazendo um falso elogio a dizer que Trump não pode ser pior que o Obama), segundo Olavo e Luciano.

      • Respondo com uma pergunta: importa? Guerra de narrativas é isso: não desmentiu, admitiu!

        Case in point: Aécio não desmentiu as acusações, o frame pegou. E para quem sabe que é mentira, pegou um frame pior: “batatão bananão frouxo arregão”.

        Tem que ser bem pragmático na guerra de narrativas.

      • Então você perdeu a resposta à minha própria pergunta (retórica, por sinal) e começou a “fanatizar” ao invés de analisar. Pena. Pensei que tinha aprendido o que é guerra de narrativas. Já vi que não.

      • No meio dessa picuinha toda de quem apóia quem, quem curte quem, quem dá pra quem, lembrei que o Nando Moura, aquele que faz campanha partidária ao Bolsotário num nível vergonha alheia, detonou o CHATO do Alexandre Seltz por este ter feito um video elogiando o Pinochet.

        Nando Moura chamou Alexandre Seltz de MACACO PREGO, xingou pra toda a vida, desmoralizou e disse que rompeu com ele para sempre.

        Ok.

        Acontece que Bolsonaro TAMBÉM já elogiou Pinochet, fato lembrado inclusive pelo próprio Seltz.

        Segundo Nando Moura, Doria é um merda, um lixo, merece morrer, por conta de um suposto “apoio” à Hillary.

        Mas e a simpatia do Bolsonaro pelo Pinochet? Fica aonde? Enfiada no cu?

      • Ditaduras de direita são menos crueis que as de esquerda. Fato. Ironicamente as ditaduras de esquerda são vistas com bons olhos por boa parte da população devido a propaganda esquerdista, enquanto as ditaduras de direita (e não me venha com essa de que todas as ditaduras são de esquerda, ninguém cai nessa) são mais stigmatizadas. Pense nisso…

      • Desculpe, mas você fugiu da questão. A questão não é se ditadura de direita é boa ou não. Essa é outra discussão.

        A questão é que o Nando Moura, que faz campanha para o Bolsonaro, rompeu com o Alexandre Seltz SIMPLESMENTE pelo fato do Seltz ter feito um vídeo elogiando Pinochet.

        Mas Bolsonaro também tem simpatia pelo Pinochet, e não estou vendo Nando Moura dando chilique por isso. Assim como não falou nada a respeito da união de Bolsonaro com Jean Wyllys e Jandira Feghali essa semana para derrubarem a PEC das universidades públicas. Ficou bem caladinho.

        Dois pesos, duas medidas? Sim ou sim?

        Isso revela bastante sobre o caráter (falta de caráter, como pode ver) de quem gosta do Bolsonaro.

  12. Eu sou um grande admirador do Olavo e de sua obra e sua contribuição para o desenvolvimento de uma visão liberal conservadora no nosso país, mas creio que ele se equivocou nesta postagem, Ciro Gomes significa o pior do coronelismo que se uniu a esquerda para dominação do país e a manutenção desse status quo. Acho que nesses elogios que ele está fazendo do Ciro Gomes pode ser que ele não está mais antenado com o que está acontecendo aqui no nosso país, e percebo nele um certo cansaço (no qual é totalmente natural), que pode levá-lo a fazer análises estranhas como essa, mas nunca devemos macular o seu excelente na luta contra a mentalidade esquerdista no nosso país.

  13. Olavo acredita que Ciro era alguém com futuro que se desviou,parece que há muitos anos já teve contato com ele e tudo e mantém essa certa admiração pela pessoa dele. Eu nem conheço profundamente do Ciro pra saber o que ele pensava antes, o que mudou hoje em dia etc sei que não voto nele mesmo. Na questão dessa manchete tentando associar Trump a Maduro sabemos que a mídia fez de tudo pra associa-lo as piores figuras, mas quem conhece profundamente sabe que tem muitas diferenças. O Dória se queimou com parte da direita ao se intitular “100% Hillary” mas está sendo um bom prefeito.

  14. Não vi na frase do Olavo de Carvalho quase nada da interpretação que lhe foi dada. Houve uma clara intenção de desqualificar, mais uma vez, o maior expoente da direita no Brasil, que praticamente previu, há quase duas décadas, tudo o que estamos presenciando no Brasil e na América Latina. Gostaria de ver igual empenho na interpretação de textos inteiros de Reinaldo Azevedo, por exemplo, que é da “direita” que come nas mãos dos tucanos, ou seja,da mesma “direita” que vive criticando o Olavo e o Bolsonaro.

  15. Lembrete importante:

    Olavo ja esta com quase 80 anos, nao?

    É como o Silvio Santos, fala algumas besteiras, mas temos que perdoar por sua idade avançada.

    • Estava lembrando hoje como conheci o Olavo, e a decadência do mesmo de lá pra cá.

      Fiz colegial numa escola que fica perto da USP no Butantã, quase todos meus professores eram alunos de lá, e isso me esquerdou bastante na época (hoje vejo o quanto eu era um retardado por me dizer punk anarquista e ao mesmo tempo defender socialismo… enfim, eu era um adolescente revoltado só).

      Quando terminei o colegial, conheci uma garota que estava no 1o ano de História na USP, namoramos um tempo e comecei a conviver com uspianos. Não demorou pra notar as INÚMERAS contradições entre o que pregavam e o que faziam! Ainda escrevo um livro com as mil histórias bizarras que presenciei nessa época.

      Na mesma época, fazia um curso técnico e sempre conversava com um professor gente fina nos intervalos. E comentei pra ele a respeito desse pessoal marxista de iphone que convivia. E então ele me falou sobre Olavo e me emprestou “O Imbecil Coletivo”.

      Isso era 2010, eu tinha 19 anos.

      Li o livro, li artigos do Mídia Sem Máscara, assisti alguns True Outspeak… mantive um bom respeito pelo Olavo até 2015, quando comecei a estranhar a egolatria e chilique dele com a direita democrática que vinha tendo destaque no Brasil.

      O início de 2016 foi arrebatador, impossível de sair dali com alguma admiração pelo Olavo. O astrólogo pirou de vez lá, ou só mostrou o que era, foi insano.

      Este professor que me apresentou ele (do qual sou amigo até hoje), resistiu bastante, continuou aluno do Olavo, tentava nas nossas conversas defendê-lo de algum jeito. Na última conversa que tive com ele, há algumas semanas atrás, admitiu: Olavo decepcionou nestes últimos dois anos, e MUITO. Já não é mais aluno dele e quer distância.

    • Agradeço por ter lido meu (longo) depoimento.

      Quando a gente odeia ou tem nojo de algo, só desprezamos. Mas você comenta TODA postagem que faço. Não só lê um depoimento longo meu, como o comenta.

      Que fascínio é esse comigo? Que tanto quer que lhe dê atenção?

      Quem busca chamar a atenção dos outros com agressões, como você faz comigo, é porque não está recebendo muita atenção das pessoas com quem convive. Deveria ter dó, mas não tenho nenhuma.

  16. Vejo, com desdém, alguns comentaristas que mal conseguem se expressar na língua pátria, nem articular um raciocínio coerente, arvorando-se em críticos mordazes do filósofo Olavo de Carvalho, que é, quer queiram, quer não – e a despeito de suas contradições e falhas – o mais inteligente, culto e respeitado representante da direita no Brasil. Néscios!

  17. https://twitter.com/OdeCarvalho/status/844952227194261504

    “Se quem manda no Estado é o establishment e não ao contrário, então privatizar não adianta NADA. Como de fato não adiantou. A onda de corrupção não veio justamente depois do festival de privatizações do governo FHC?” CARVALHO, Olavo de.

    Ou Olavo é muito inocente e não tem consciência da guerra política ou tem algo muito estanho no ar. O fato é que ele está servindo aos bolivarianos que querem aparelhar o Estado e implantar uma ditadura.

    • Ele não está errado. Mas qualquer privatização, por mais porca que seja (como foram as de Yeltsin e FHC), já é de grande ajuda na luta contra o Estatismo.
      Se o velho vai criticar as privatizações, precisa criticá-las corretamente. Ou seja, precisa explicar pro gado que o problema das privatizações no Bostil é que não houve uma desestatização dos setores.
      http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1160
      http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2457

    • E já está acontecendo: os bolsonetes famosos a defender estadismo, assim como Jair Bolsonaro defende.

      Olavo primeiro iguala, em tom elogioso, Ciro Gomes com Bolsonaro, dois estadistas.

      E agora está criticando privatizações.

      PT, PSOL e PCdoB agradecem muito.

  18. “Trump é uma figura deplorável, um palhaço xenófobo, um ignorante fascistoide, ultranacionalista etc.” Isto está na página do Ciro Gomes. Ele apoia Trump porra nenhuma, esse velho está caducando.

    • O velho gagá só gosta do coroné nordestino porque quando ambos se conheceram, o Ciro rasgou elogios à ele.
      A esquerda brasileira sempre foi nacionalista. Essa história de que somente o Ciro Gomes falou sobre o Globalismo é pura balela. Toda a esquerda brasileira sempre discursou contra “a cobiça estrangeira”.

      • É…combatem a “cobiça estrangeira”, mas promovem a imigração em massa de haitianos e islâmicos para o país. Apoiam os gays, mas rasgam elogios para Fidel e Che Guervara. Me pergunto se esquerdista realmente apoia algo de verdade ou sempre é mero populismo mesmo?

      • Esquerdistas, além de contraditórios, possuem as ideias todas confusas que mudam a todo momento de acordo com a conveniência de momento.
        Os Old Lefts odiavam gays, feminismo, degeneração, multiculturalismo e não aceitavam nem a “função social” da propriedade privada.
        Já os New Lefts adoram gays, feminismo, degeneração, degeneração, multiculturalismo e aceitavam numa boa a “função social” da propriedade privada. Tanto que toda a política da New Left se baseia nesses pontos. E, além da New Left, está cada vez mais comum os left-libs idiotas (progressistas que acham que são libertários) focarem todas as suas forças e discussões nesses mesmos pontos. Ao invés de se focarem na defesa da propriedade privada, a base de toda a filosofia libertária.
        http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1864
        http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2639

  19. O autor se contradiz ignorando, quando conveniente, que possa existir defeitos em outras pessoas que contrabalanceiem seus pontos positivos, lógica confusa e maldosa, abusa de reducionismo barato e pulos para conclusões.

    Devo notar, também, que essa alguma admiração ao Ciro e repúdio ao Doria não é coisa recente, de apenas após as eleições do Trump.

    “De uns tempos para cá Olavo de Carvalho tem dedicado boa parte de suas postagens para rasgar elogios a Ciro Gomes, ou para reconhecer-lhe supostos talentos e alegadas virtudes.”
    Premissa falsa. Os elogios foram poucos, apenas expôs seus pontos positivos frente aos negativos de outros que não fossem o Bolsonaro, inclusive disse que nunca votaria no Ciro pela podridão que viria junto a ele. E isso sem tocar sobre seu espectro político.

    Baboseira bostejada pelo autor: “Ou Olavo vira putinha de quem fala bem do Trump e contra a Hillary, ou é mal intencionado”. Conclusão de uma tese falsa e extremamente desonesta.

    Todos conhecem a implicância do Olavo com socialistas travestidos de Direita ou Centro e a implicância com o marxismo cultural (coisa sobre a qual, ironicamente, o Ciro anda surfando nos discursos pros imundos de Humanas, se aproveitando para se fazer de oposição a espantalhos).
    Se o Olavo está errado sobre seu conceito do Ciro quanto ao globalismo e marxismo cultural, aí é outra história (e Enéas, provavelmente, discordaria dele), mas quem, claramente, está sendo intelectualmente desonesto, se fazendo de burro, é o próprio autor ao se recusar a assumir o óbvio.

    O Olavo tem prioridades, e nós temos as nossas, qualquer um consegue perceber o reducionismo estúpido e mal-intencionado do artigo.

    • Obrigado por aprovar meu comentário. Nesses últimos 5 anos tem surgido gente desonesta pra caramba modelando conteúdo dos visitantes (até no ILISP, e, a propósito, olá, Reinaldo Azevedo, seu cagão desonesto). Peço desculpas se fiquei na defensiva demasiadamente em meus comentários, mas as críticas permanecem.

      Temos que ver o lado do Olavo e as coisas que ele defende. Simplificar dessa forma é desonestidade intelectual (seja ela intencional ou não; inocente ou maliciosa).

      E não, não sou olavete, mas estou cada vez mais incomodado com os espantalhos feitos dele que não são apenas “memes” (adoçante etc).

  20. A propósito, estou abismado com essa reunião de baboseira de blogueiros tentando criar o espantalho do “Bolsonaro estatista”, “Bolsonaro fascista”, sendo que é o candidato mais “libertário” entre todos os com chance de vencer.
    Doria não reduzirá impostos, ele talvez reduzirá algumas regulações (assim como o Bolsonaro), mas nunca reduziria regulações do MEC. DORIA É UM SOCIAL-DEMOCRATA E É DO PSDB. ELE É CENTRO-ESQUERDA, mas continuam se recusando a ver o óbvio, Deus sabe por que motivo.

    Doria continuará com a política de taxas de juros altos e amiguismo com os banqueiros e continuará mantendo o establishment de pé, assim como a importância de seu partido cancerígeno.

    (A propósito, se for pra bloquear esta minha mensagem com a intenção de moldagem de conteúdo, assim como já me fizeram anteriormente, por mais articulados e educados que eles fossem, em outros sites que supostamente eram para discussão de política, os aconselho a pensar bem no que estão fazendo. O tamanho da merda é gigantesca. Estão matando qualquer chance de nos livrarmos desse Estado gigante que nos escraviza, ou, até mesmo, de termos algum, QUALQUER, grau de democracia. Espero que também liberem meu outro comentário criticando o texto e o autor.)

    • Peraí, como Bolsonaro pode ser libertário se MUITO RECENTEMENTE, em Campina Grande, declarou para seus fãs que quer o fim do ESTADO laico para implantação de um ESTADO cristão?

      Por que ele está preocupado com a RELIGIÃO do ESTADO se supostamente quer diminuir estado?

      Como que Bolsonaro quer diminuir estado se votou a favor do AUMENTO DE SALÁRIO de deputados?

      Como que Bolsonaro quer menos estado se ELE ENRIQUECEU MAMANDO NO ESTADO, e colocou sua esposa e seus filhos todos para mamarem também?

      Doria tem doado todo seu salário de prefeito para a caridade. E Bolsonaro, o que faz com seu salário PAGO PELO ESTADO? Comprou casa de luxo e carro esporte para todos os filhos. Não duvido nada que gaste com putas de luxo pois quem é muito moralista feito ele e feito vocês faz altas merdas às escondidas.

      Não sei de onde vocês tiraram que Bolsotário não é estatista dos fanáticos. Enquanto isso, ele enriquece às custas do Estado, e vocês aí feito babões defendendo ele, cambada de trouxa.

    • Cauê, você não é burro, apenas está fingindo ser.
      Você inferiu toda essa porcaria a partir de eu ter dito que “o Bolsonaro é o mais libertário entre todos os com chance de vencer”. O que continua sendo verdade, e sua contradição fica óbvia.

      Seu primeiro parágrafo é um reducionismo barato apenas para militar contra (é só ver seus outros posts). Você nem ao menos acredita no que diz. Todos sabemos que ele não fará o que você inferiu das palavras dele sobre a questão religiosa.
      A maioria esmagadora da população é cristã e vivemos em uma democracia. É óbvio que costumes e moral relacionados ao cristianismo poderiam fazer parte da nossa legislação, se não fosse assim, não seria democracia.
      Não à toa, criou-se uma diferenciação de laicidade de laicismo. O último é um movimento para o afastamento de quaisquer igrejas ou grupos religiosos da política, enquanto o primeiro se refere à liberdade religiosa ou de não-religião, que nunca vi o Bolsonaro ser contra.

      Ele não está preocupado com a “religião do Estado”. Quem inferiu isso de suas palavras foi você. Leia o parágrafo acima.
      (Trivia: https://propelsteps.files.wordpress.com/2013/11/secularmap.png Sim, a Noruega e a Inglaterra.)
      Portanto, sua pergunta é desonesta. A premissa é falsa e uma armadilha para os desatentos.

      Dando um exemplo bastante sólido (e não relacionado com o mapa acima, por favor), um estado monarquista pode ser bastante libertário e ter uma religião oficial ao mesmo tempo, é só se meter menos na vida das pessoas. E não é difícil ser mais libertário que o Doria, um social democrata, UM FODENDO SOCIAL DEMOCRATA (e pare de se fazer de retardado sobre isso).

      Diminuir o Estado também não significa abolir o Estado (novamente, vai contra o que o Doria é). Sem o Estado, a forma (descentralizada ou isso a nível individual) de “governo” seria cristã acima de tudo no nosso país. Não se esqueça disso. Somos um país cristão. A maioria da população é cristã.
      E, de qualquer forma, ao não abolir o Estado e manter uma democracia, mesmo que muito menor que a nossa, a influência do código de ética e moral tanto individual, de cada brasileiro, quanto da maioria, seria inevitável. Bom… “Seria” se nossa democracia não fosse tão falsa, se não servisse apenas para um aparelhamento de funcionários públicos parasitas.

      Enfim, termos elementos cristãos na política não é absurdo, é democracia. E, claramente para os não-histéricos, foi isso que o Bolsonaro quis dizer. Não foi um confronto à laicidade, à liberdade religiosa, mas um repúdio ao laicismo, a essa tentativa de imposição progressista-ateísta.

    • (Parte 2 ao Cauê)

      Não o defendo sobre o aumento dos salários, não se engane. Ainda assim, continua sendo o mais libertário. Essa votação foi merda política, e é uma vergonha para quem participou.
      http://mentiramparamimsobreojair.com/2016/06/30/60-jair-votou-no-aumento-do-proprio-salario/

      Mas não se engane, Doria é “político” de carteirinha. Apesar de estar renovando o PSDB, ainda está a serviço desse partido. De qualquer forma, Doria é algo bastante positivo para o PSDB. Se você for um PSDBista, tenha ciência de que ele melhorará esse partido por dentro. Bolsonaro mudará por fora, forçando concorrência e alterando as regras do jogo político, com potencial de começar a derrubar o establishment.

      Sobre Bolsonaro ter enriquecido sobre o Estado, disso não discuto. Era militar, virou político, assim como seus filhos, obviamente o dinheiro saiu dos bolsos da população. Mas o Doria se enriqueceu muito mais usando o Estado, e você também sabe disso e está se fazendo de retardado. Não adianta se fazer de analfabeto político e ignorar o passado profissional do Doria, isso não muda o passado, o dinheiro dele também saiu de impostos, apesar de ter sido bem-sucedido por outros motivos. Sua influência política é coisa antiga, e provém do establishment estatal.

      Não vou discutir sobre o mérito de ambos terem enriquecido, e nem acho o Bolsonaro tão rico assim. Não critico o Doria nisso, mas, como disse, ignorar licitações e cargos em empresas estatais é desonestidade. Se honestamente é ignorante no assunto, pesquise sobre seu passado. Está imerso de dinheiro de impostos até o pescoço, ele apenas não fazia parte do legislativo ou comandava o executivo.

      “Não duvido nada que gaste com putas de luxo pois quem é muito moralista feito ele e feito vocês faz altas merdas às escondidas.” Puro bostejamento seu, sem embasamento algum.
      (Agora vai lá votar no Ciro Gomes, enquanto finge apoiar o Doria, vai. Se é pra bostejar, também vou bostejar te chamando de MAV do PT pra ficarmos quites.)

      Concluindo, toda essa porcaria que disse não desqualifica em nada de o Bolsonaro ser o candidato mais libertário com chances de vencer que temos no momento e nem coloca o Doria como mais libertário que ele.
      Entre o social-democrata assumido e o que defende um Estado mínimo e desregulação, retirada de poder de órgãos reguladores estatais, fico com o segundo. Social-democracia é uma armadilha.

Deixe uma resposta