Outro nível: primeiro ministro russo classifica massacre como ato terrorista

6
70

Dmitri Medvedev, o primeiro-ministro russo, disse que a explosão no metrô de São Petersburgo, que matou mais de dez pessoas, é um ato terrorista. As autoridades da cidade decretaram três dias de luto a partir de terça (4).

Putin, que estava na cidade, lembrou que ainda é “muito cedo” para determinar o que causou o incidente, mas a ação poderia ser “criminosa ou terrorista”

A imprensa russa confirmou que as autoridades estavam à procura de um homem filmado por câmeras de vigilância que se acredita estar envolvido no ataque, que coincidiu com uma visita do presidente Vladimir Putin à cidade.

Imediatamente após a explosão que aconteceu às 14h40 (horário local), ambulâncias e caminhões de bombeiros se encaminharam à estação de metrô de concreto e vidro de Sennaya Ploschad, e um helicóptero pousou para levar um passageiro ferido.

Não que eu apoie o regime russo, que não possui muito respeito pela liberdade de expressão e pela democracia. Mas ao menos eles tratam as coisas como devem ser tratadas. Se esse atentado ocorresse na Europa, veríamos a mídia dizer a causa deveria estar em qualquer outro lugar, menos no terrorismo, e muito menos no islamismo.

Algo me diz que, ao contrário do que acontece quando os ataques são lançados contra a Europa, os terroristas serão punidos desta vez.

Anúncios

6 COMMENTS

  1. “Não que eu apoie o regime russo, que não possui muito respeito pela liberdade de expressão e pela democracia.”
    E qual país possui respeito pela liberdade de expressão e democracia? Algum país europeu? Brasil? EUA tem todo o controle de expressão controlado por empresas privadas e universidades(que tem que ser pagas pelos estudantes).

    “Mas ao menos eles tratam as coisas como devem ser tratadas.”
    Exato! Noticias falsas e o politicamente correto tem como intuito principal humilhar a população local! Se a elite politica russa não tem essas intenções obscuras então eles tem mais respeito pela liberdade de expressão e democracia do que nos nunca iremos ter.

  2. considerando a coincidência de putin estar em são petersburgo no mesmo dia, não se descarta a hipótese de uma “false flag operation”…

Deixe uma resposta