Glenn Greenwald sugere estatizar Odebrecht para conter corrupção. E Luciana Genro concorda…

5
183

Essa é para quem ainda acha que os socialistas são “sonsos” e não desonestos de marca maior.

O jornalista pró-PT Glenn Greenwald fez a seguinte proposta para “conter a corrupção” da Petrobrás: “A Odebrecht não é uma corporação. É uma organização criminosa financiada pela população brasileira. Deve ser estatizada”. Luciana Genro comentou: “Muito bem”.

O detalhe é que a propina paga pela Odebrecht é uma mixaria perto da grana roubada da Petrobrás, que abasteceu não apenas a Odebrecht, como várias outras construtoras, além de órgãos de mídia, entidades e vários políticos e seus partidos.

As estatais desnecessárias servem para permitir o aumento da corrupção a níveis astronômicos. Em suma, Greenwald quer criar mais uma estatal para que dela seja feito o mesmo que o PT fez com a Petrobrás. Isso nunca pode ser catalogado como “boa intenção que deu errado”, mas sim como uma péssima intenção que não devemos deixar que se concretize.

17903607_1435769426511762_9173861459672403334_n

Anúncios

5 COMMENTS

  1. “A Odebrecht não é uma corporação. É uma organização criminosa financiada pela população brasileira. Deve ser estatizada”

    Ou seja: precisamos ter para nós uma organização criminosa tão eficiente.

Deixe uma resposta