Ultraesquerdista do site The Intercept entra em surto de holifobia

0
252

Um tal de João Filho escreveu um texto intitulado “Fernando Holiday do MBL quer aplicar Escola sem Partido na marra“, para o The Intercept, jornalzinho online que tem como um dos principais editores Glenn Greenwald, apoiador de todos os regimes de extrema-esquerda na América Latina.

O texto é a lixeira de sempre vinda da ultraesquerda, sem qualquer argumento lógico e repleto de rotulagens e mitos.

Segundo João, Holiday “resolveu aplicar este projeto em São Paulo na marra e anunciou que irá fiscalizar o seu cumprimento”. Mentira. Na verdade, há uma diferença entre o projeto Escola sem Partido – que visa dar aos alunos o direito de lutar contra a doutrinação e se informar a respeito – e a luta contra a doutrinação geral em si. O direito de fiscalização sempre existiu, bata o pé João o quanto quiser.

Outro momento é este: “O vereador nos dá o mais acabado exemplo da sociedade de vigilância, que pretende fiscalizar e controlar indivíduos”. Ué, João está com medo da vigilância? Nenhum profissional público sério tem medo de vigilância em seu trabalho. Quem não quer vigilância muito provavelmente já é suspeito de estar fazendo uma coisa errada.

João faz um texto em favor daqueles que oprimem alunos nas salas de aulas. Agora estão com medo até de visitas do Holiday. É bom compilar esses surtos de holifobia (fobia das visitas de Fernando Holiday). Onde há “medo de vigilância”, geralmente há treta. Dica de auditor.

Ah, o ultraesquerdista João Filho é este:

joaofilho

Anúncios

Deixe uma resposta