Professor esquerdista sugeriu matar brancos como “forma de defesa”

2
66

O professor Thomas Curry apresentou um argumento a respeito de “matar pessoas brancas em contexto” numa entrevista de radio em 2012. Ali ele disse que negros deveriam matar brancos “como auto-defesa” na trilha para a igualdade, conforme noticia o Campus Reform.

O entrevistador Rob Redding questionou, na época, Curry sobre exemplos históricos de como o assassinato de brancos seria justificado. Em resposta ouviu: “Então quando temos esse tipo de conversa sobre violência ou assassinato de pessoas brancas isso precisa ser observado no contexto histórico, e se torna um problema que não mostremos a relevância e a solidez deste tipo de tradição em que pessoas negras dizem ‘veja, para sermos iguais, para sermos livres, algumas pessoas brancas podem ter de morrer’”.

Curry se disse “imensamente contrariado” a respeito da pouca frequência com a qual a questão é levantada.

O presidente da Universidade Texas A&M, onde Curry leciona, disse que as declarações são “perturbadores” e “entram em contraste” com os valores defendidos pela instituição. Ele prossegue: “Nós não desejamos violência ou dano mesmo para aqueles que pronunciam visões violentas sob a Primeira Emenda”.

Curry continua dando aula tranquilamente na instituição.

Com informações do Daily Caller e do Truth Revolt.

Anúncios

2 COMMENTS

  1. O Milo Yiannopoulos e a Ann Coulter não praticaram discurso de ódio, mas quando é alguém de extrema esquerda praticando aí não apenas pode como também é elogiado e aplaudido.

Deixe uma resposta