Milícias terroristas pró-PT mostram o que planejam para o Brasil se voltarem ao poder

6
194

Nesta quarta (24), milícias terroristas pró-PT – com aquelas facções que já conhecemos, como MST e MTST – tocaram o terror em Brasília.

Obviamente os petistas fizeram a típica encenação de que queriam “Diretas Já”, mas no fundo apenas aproveitaram o clima de instabilidade criado pela Globo, por Fachin e por Janot para conseguirem insuflar as massas.

Finalmente, o governo decidiu chamar as Forças Armadas, que por enquanto estão apenas a postos.

O general Villas Boas disse que o clima no País, hoje, é de consternação, choque, preocupação e muita incerteza: “Os processos que estamos vivendo ameaçam o futuro do País. Confiamos que as instituições tenham a capacidade de buscar o caminho da regeneração”, pontuou.

A tendência é que a situação de caos se amplie nos próximos dias, mas isso só mostra o que eles estão preparando para o Brasil caso consigam retornar ao poder.

A extrema-esquerda está com sede de sangue:

 

Anúncios

6 COMMENTS

  1. Na verdade o titulo deveria ser “Milícias terroristas pró-PT mostram o que planejam para o Brasil caso não voltem ao poder”. Sim, pois eles sossegam mais a violência nas ruas quando estão no poder para poderem praticar uma forma de violência mais “intelectual”. Fica ai a dica para qualquer governo que não seja do gosto da extrema esquerda, ou vcs acordem para defender a lei e a ordem, ou vão ficar impotentes e com menos legitimidade para se manter no poder.

    • Hmmmm…. NÃO.

      O que você diz só vai valer se eles tomarem o poder E não tiverem oposição nas ruas. Se tiver, vão usar essa “tropinha” para causar o caos.

      Algo do tipo “o primeiro impeachment nos pegou de surpresa. Não haverá outro: vamos nos espelhar no modelo Maduro se tentarem.”

      • Vc entendeu o que eu falei, se não tomarem uma atitude enérgica para manter a lei e a ordem e dai pra pior, e o povo sempre toma partido de quem tem(ou aparenta ter) mais força.

  2. O terrorismo ininterrupto praticado pelas centrais sindicais é uma forma de cultura, de doutrinamento, de acostumar a civilização a conviver com o medo e a insegurança. Deve ser combatido ininterruptamente, a contracultura, pela ordem social e, suas lideranças e organizações pagar pelos crimes cometidos e pelos bens destruídos.
    Os insensatos aproveitam o trem do combate à corrupção, aproveitam qualquer situação para justificar a desordem e a retomada do poder. Janot e a Globo deram sinal verde.

Deixe uma resposta