Os socialistas chiques e "limpinhos" ligados a Haddad agora estão com o rabinho entre as pernas

1
61

A turma ligada ao ex-prefeito Fernando Haddad deve estar se sentido bem desconfortável após a abertura de investigações contra o petista, embora disfarcem isso com ironia e risos nervosos. O caso é que o ex-prefeito era para eles um símbolo do progressismo “limpinho”, mas agora não poderá mais servir a este propósito.

Digamos que eles tinham até então uma vantagem: apoiavam um sujeito aparentemente honesto, ainda que membro do partido mais corrupto da história, e podiam se vangloriar em cima daqueles que apoiam escancaradamente os corruptos. Contudo, eles eram até então a legítima esquerda caviar, daquela que não se mete com a plebe. Não é por acaso que Haddad tenha governado justamente para esta elite.

O que lhes resta agora, entretanto, é o medo. Medo de ficarem tão queimados quanto o restante. Acabou a limpeza, as sujeiras começaram a aparecer. Isso tudo ainda se soma ao ranço que guardam após a última derrota, o que não pode ser deixado de fora. Haddad perdeu em primeiro turno e com uma desvantagem obcena, isso causou rancor tão profundo que estão até hoje chorando esta derrota.

O fato de estas investigações terem saído agora é, por assim dizer, o fim de um sonho para eles.

Anúncios

1 COMMENT

Deixe uma resposta