Miller, braço direito de Janot, queria esconder provas sobre Cardozo para proteger PT. Alguém surpreso?

1
278

Este blog sempre avisou que o Sr. PGR e aqueles que a ele se aliaram nunca foram de confiança.

Só tomou tombo quem foi arrogantemente teimoso ou estava de má-fé.

Pois agora, conforme informações coletadas no site Anestesista – que até dias atrás estava fechadíssimo com Janot e só nesta última semana o abandonou – Marcelo Miller sabia que José Eduardo Cardozo, ex-ministro de Dilma, foi gravado por Joesley na época em que tratava com o dono da JBS.

Miller orientou Joesley a esconder as provas, conforme as palavras de Ricardo Saud:

 

 

 

Tudo parece bem óbvio.

Joesley sempre foi um empresário bancado por petistas. Logo precisava protegê-los. Qualquer um que estivesse ao seu lado iria orientá-lo nesta direção, estrategicamente.

Sempre suspeitamos que Joesley escondia as provas relacionadas ao PT, pois tencionava voltar ao governo se o partido de Lula conseguisse se reeleger, principalmente de forma totalitária.

Tudo sempre foi um grande negócio para o bilionário Joesley.

Anúncios

1 COMMENT

Deixe uma resposta