O Joesley que faz cara de tristinho e segura terço enquanto é preso riu do Brasil durante 4 meses

0
130

Os empresários criminosos Joesley Batista e Ricardo Saud deixaram a Superintendência da Polícia Federal, em São Paulo, nesta segunda-feira, 11, rumo a Brasília, às 10h35. Joesley saiu da sede da PF com um terço nas mãos. As informações são do Estadão.

A dupla está em cana desde a tarde de domingo, 10. Eles foram levados para o Aeroporto de Congonhas. De lá, pegaram um vôo para Brasilia.

Enquanto estava a caminho da prisão, Joesley resolveu fazer draminha para as câmeras: fez cara de tristinho e segurou um terço.

A tentativa de drama não comoveu ninguém, principalmente porque o ato de alguém segurar um terço é normalmente discreto, e não exibicionista deste tipo.

Ademais, ele realmente devia estar triste, mas a pose exagerada de drama soou excessiva.

Não colou.

No fundo, o que vimos é a justa punição de um sujeito que riu do Brasil durante 4 meses nos quais vendeu empresas, ajudou a causar um prejuízo de 300 bilhões ao Brasil e ainda tripudiou por cima dos brasileiros.

Dó é o que ele não vai receber.

Anúncios

Deixe uma resposta