Dona Regina representa o povo contra uma elite de artistas que não possuem sentimentos e não ligam para os humildes

3
600

A participação de Dona Regina no programa Encontro – sem a apresentadora Fátima Bernardes, que ainda está de férias – segue dando o que falar.

Como vimos aqui, Dona Regina usou expressões simples – e que pertencem ao senso comum – para demonstrar a monstruosidade ocorrida no MAM, onde uma criança foi obrigada a tocar o corpo nu de um homem.

A dupla de artistas, Andrea Horta e Bruno Ferrari – que a contestou – e perdeu – não nutria sentimentos reais. Apenas fingiam sentimentos que não possuem e propagavam argumentos falaciosos nos quais não acreditavam.

Todos os argumentos de Dona Regina eram legítimos, assim como eram seus argumentos.

Como resultado, o povo ficou do lado de Dona Regina.

A dupla de artistas era apenas isso: seres humanos vazios, elitistas e sem qualquer sentimento.

Anúncios

3 COMMENTS

  1. Esses otários continuam com as cangas da esquerda esquisita nos ombros e não percebem.
    São massa de manobra como a turma do ” BOLSA MEU BOLSO” .
    Ou percebem, mas faturam com a bosta do politicamente correto – também outra teoria de capachos dos espertos.

Deixe uma resposta