PT luta para destruir trabalho de 500.000 pessoas ao ficar contra aplicativos de transporte

4
297

Hoje foi noticiado que Lindbergh Farias começou suas mobilizações para colocar na pauta de hoje, em plenário, um requerimento de urgência para votação do PLC 28/2017.

O objetivo do projeto é acabar com todos os aplicativos de transporte no país, o Uber e Cabify.

Atualmente, como diz o site O Anestesista, mais de 500.000 trabalhos foram criados em várias cidades brasileiras por esses aplicativos.

Como o PT é sádico e odeia os trabalhadores, não liga para esse meio milhão de pessoas que perderão o ganha pão.

Anúncios

4 COMMENTS

  1. Esta é mais uma prova que o PT nunca se preocupou com os trabalhadores, eles sempre usaram os trabalhadores para encher os seus currais eleitorais. O plano do Lula sempre foi chegar ao poder para se tornar o ditador do país, nos moldes do seu camada falecido Fidel Castro, mas o plano dele só não foi em frente porque ele brigou com a Globo e com isso se afastou dela. Eu acho que ninguém esqueceu quando o dono da Globo, levou o Lula para ser conhecido mundialmente.

  2. Ninguém falou da degradação do trabalho dos 500 mil taxistas que existem no Brasil.
    Não adianta defender os aplicativos porque são meio milhão de taxistas e meio milhão de motoristas de aplicativo vivendo em situação difícil.
    Não façam vistas cegas, só os aplicativos ganham dinheiro as custas do trabalho de taxistas e motoristas parceiros.

  3. Vocês petistas vão acabar com um monte de pai de família que tira o pão de cada dia trabalhando com a Uber, pensem um pouco , estamos no final de ano , como vai ser o Natal e ano novo dessas pessoas, tanta coisa pra vocês analisarem pra melhorar o país vocês querem acabar com o trabalho de 500 mil pessoas.
    Pelo amor de Deus.

Deixe uma resposta