Nada é mais sórdido que uma mídia que deixa de falar do atentado em Texas por não atender a agenda desarmamentista

1
192

À divulgação do atentado em uma igreja em Sutherland Springs, Texas, neste domingo, se seguiu um surto de oportunistas de esquerdistas na mídia.

Era como se algumas cabeças liderando as narrativas tivessem dito: “Ei, aproveitem. Agora é o momento da infowar. Temos uma narrativa em mãos para propagandear o desarmamento”.

Durou pouco para esse castelo de cartas ruir, principalmente quando se descobriu que o assassino foi interrompido por um outro cidadão que também portava uma arma. Mas o cidadão que o interrompeu usava arma legal enquanto o assassino utilizava arma ilegal. Quer dizer: a narrativa desarmamentista, se fosse levada à frente, iria impedir que um usuário de arma legal interrompesse o massacre. Se dependêssemos das medidas propostas pelos desarmamentistas, o assassino teria matado muito mais. São os fatos.

Para piorar, se descobriu que o atentado ocorreu dentro de uma das igrejas que mais apoiaram Donald Trump. A maioria das vítimas é republicana e cristã.

Outro fato constrangedor para as narrativas esquerdistas: Devin Patrick Kelly, o assassino de 26 anos (que morreu após o atentado), é um neo ateu, que é um perfil específico de ateu – diferentemente de muitos ateus tradicionais – que vive em guerra de classes contra religiosos. Inspirados em Richard Dawkins, os neoateus prometem construir a salvação mundial através “da ciência” (descrita de forma abstrata, claro) no dia em que eliminarem a religião da face da terra. No fundo, é apenas mais uma narrativa em estilo marxista, transferindo a guerra de classes entre proletários e burgueses para os ateus contra religiosos. Obvimente, os neoateus não representam todos os ateus.

Por motivos como esse, a mídia achou interessante deixar de tocar no assunto do atentado em Texas. Isso significa que a mídia considera que  as 26 vítimas fatais não merecem mais atenção. Elas não atendem mais à agenda. É repugnante, mas é assim que as coisas funcionam para a mídia esquerdista.

Anúncios

1 COMMENT

Deixe uma resposta