Deltan pede para o povo não desistir do Brasil, mas ele desistiu de denunciar escândalo da Globo

3
235

O procurador Deltan Dallagnol teve sua imagem arranhada há alguns meses por esquerdar demais no Twitter e, principalmente, por apoiar o PGR Rodrigo Janot, inclusive quando este firmou o acordo de total impunidade com Joesley.

Ele andava meio sumido e mostrou uma justa indignação hoje, após votação da Alerj para libertar Jorge Picciani:

Não desista do Brasil. Hoje os políticos mostraram do que são capazes. Não me refiro às provas consistentes da prática de corrupção por líderes políticos do Rio de Janeiro. Eu me refiro à conduta dos demais. Os deputados da Assembleia do Rio deveriam ser os primeiros a endossar a atuação da Justiça e apurar a responsabilidade de seus líderes, mas o comportamento foi o oposto. Isso tem que indignar Você. Nós não podemos nos anestesiar, mas sim dar vazão à nossa indignação, de modo pacífico e democrático, por meio da participação popular. Se Você não se envolver, eles ocuparão o seu espaço. Se hoje os políticos mostraram do que são capazes, em 2018 a sociedade brasileira precisa mostrar do que é capaz, nas urnas, agindo de modo organizado para eleger apenas políticos com ficha limpa, que expressem compromisso com a democracia e que apoiem propostas anticorrupção, com palavras, votos e atitudes. Há entidades respeitadas da sociedade civil trabalhando nesse sentido. Não esqueça do que aconteceu hoje e se una a elas em 2018, o ano que representa a grande chance brasileira contra a corrupção.

O que aconteceu no Rio de Janeiro hoje é uma amostra do que pode acontecer em Brasília e com a #LavaJato se em 2018 não virarmos o jogo contra a corrupção. Quando a punição bater na porta dos grandes líderes corruptos, eles perderão a vergonha de salvar a própria pele. A única solução é por meio da democracia e de uma política mais íntegra, e isso depende de Você. #AlerjVergonha #NãoÀImpunidade #LutoPeloBrasil

De novo, isso é tudo muito justo. A reclamação tem procedência.

Porém, Deltan ainda deve explicações para não ter demonstrado a mesma indignação nesta semana quando surgiram as notícias do escândalo de corrupção envolvendo o pagamento de propinas por parte da Globo para transmissão de jogos de futebol.

Indignação seletiva não dá, não é, Dallagnol?

Ora, se ele pede para o povo não desistir do Brasil, por que ele desistiu de denunciar o escândalo da Globo?

Anúncios

3 COMMENTS

  1. Olavo de Carvalho já avisou que o Brasil tem sua soberania ameaçada. Não é de se estranhar com o grau de corrupção, bagunça institucional e a amoralidade generalizadas. O tiro de misericórdia seria a eleição do Lula ou de outro representante da extrema-esquerda. Rússia e China estão esfregando as mãos.

Deixe uma resposta