A direita tem que aproveitar o fato de que a esquerda está mais perdida que cego em tiroteio

Foto: NILTON FUKUDA/ESTADÃO

Após as eleições, podemos constatar uma coisa: a esquerda brasileira está mais perdida que cego em tiroteio. Agora buscam se readaptar diante de muita coisa que tem acontecido, mas não sabem para onde ir. Vão continuar apostando no politicamente correto ou voltar às raízes do esquerdismo tipo Leonel Brizola? Ou partirão para outra abordagem? Dentro da esquerda, as discussões hoje possuem o tom de briga de foice no escuro.

Eles não estão compreendendo, por exemplo, o crescimento da direita mundial. Vale lembrar que este crescimento ocorre pelo mundo todo. Por isso, se alguém te disser que “é um fenômeno brasileiro de causa única”, essa pessoa está te enrolando e tratando-o feito criança. Logo, temos este fato inegável, que é facilmente observável na análise dos eventos ao redor do mundo.

No Brasil, tivemos a Lava Jato, que implodiu não apenas a moral da classe política, como do partido de esquerda que comandou o país nos tempos do Mensalão e Petrolão. São os fatos.

Enquanto isso, o bolivarianismo se tornou contestável mundialmente com o caos gerado na Venezuela. Isso ajuda a entender como Bolívia e Equador não puderam escalar tanto na demolição econômica em seus países e explica também como Cristina Kirchner perdeu o poder mesmo depois de ter aprovado a Ley de Medios.

Ao mesmo tempo, uma esquerda politicamente correta foi se “desplugando” do PT e decidiu adquirir vida própria. Como é uma esquerda muito imatura (no Brasil), meteu os pés pelas mãos e serviu até como linha auxiliar da campanha de Bolsonaro. Na hora que caírem na real, vão querer responsabilizar quem teve a bendita ideia daquela campanha #elenao, que serviu como campanha gratuita para Bolsonaro.

A extrema esquerda já sabe que é preciso procurar um substituto para Lula, mas não possuem a menor ideia de quem seja (até porque estão buscando uma direção). Lula não é eterno.  Claro que foi dito em campanha que Haddad era “um poste de Lula”, e era mesmo, mas há setores dentro do PT que já estão trabalhando em nomes para substituírem o presidiário. Há muita confusão neste sentido e falta uma linha clara.

No Brasil, a esquerda que hoje tem mais poder de cerceamento não é a esquerda bolivariana, mas a esquerda globalista, que tem censurado as redes sociais. Mas no Brasil a direita do WhatsApp encontrou as brechas para fugir dessa censura, e esse foi um tombo para o qual a extrema esquerda brasileira não estava preparada. Lembre-se que o projeto era ganhar as eleições com base na censura.

O esquema de censura havia sido feito para ajudar um candidato de esquerda que não fosse petista (talvez o Ciro Gomes ou a Marina Silva). Por isso mesmo, os petistas nem estavam organizados para censurar os outros. A aliança na reta final entre os censores pró-Rede/PSOL e os petistas foi costurada com barbante e não serviu pra nada.

Essa confusão vai passar. Mas, nesse ritmo, podem deixar passar muita coisa no Congresso nos primeiros meses do próximo ano. Por isso, os primeiros meses de 2019 são para serem aproveitados.

6 comentários em A direita tem que aproveitar o fato de que a esquerda está mais perdida que cego em tiroteio

  1. Penso que uma ampla camada da esquerda não abrirá mão dessas caisas identitárias. A direita, finalmente, saiu do discurso econômico para falar a língua do povo. Povo esse, que tem perfil conservador, é só lembrar daquela pesquisa da fundação Perseu Abramo que jogou um balde de água fria nos teóricos do PT há alguns anos.

  2. Ótimo texto! Parabéns pelo artigo!

  3. Aproveitar como?

    • Legal. Boa ideia. Farei um texto especificamente sobre isso. Entendo que é preciso aproveitar essa fragilidade para aprovar a reformas mais impactantes e duradouras no que diz respeito a luta contra a esquerda.

  4. Um bom começo seria aprovar legislação que proibisse os símbolos do comunismo, tal e qual temos em alguns países na Europa, como Polônia e Ucrânia, para ficar em dois exemplos que sofreram na pele a barbárie no século passado.
    Seria um ótimo começo!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: