“Quando o PT escalava terrorista, ninguém falava nada”

De acordo com o Antagonista, Jair Bolsonaro não descartou a possibilidade de indicar mais militares para os ministérios. “É possível. Quando o PT escalava terrorista, ninguém falava nada”, afirmou nesta terça (27) na sede do governo de transição, em Brasília.

É um fato: este chororô da extrema esquerda contra a presença dos militares no governo já deu o que tinha que dar. No fim das contas, os militares estão dando declarações muito mais responsáveis do que muitos civis.

Para boa parte da população, é meritório que militares tenham parte do poder conquistado legitimamente pelo voto. Isso não dá garantia alguma de futuro, mas a conquista do poder, pelo menos, é legitimada pelo voto.

Em suma: aqueles que conquistaram poder sem voto nos anos 60 hoje estão de volta pela via das eleições legítimas. Melhor assim. E é bem melhor do que pessoas envolvidas com terrorismo e que estiveram ocupando cargos na era petista.

Twitter: https://twitter.com/lucianoayan

Facebook: https://www.facebook.com/ceticismopoliticosc/

1 comentário em “Quando o PT escalava terrorista, ninguém falava nada”

  1. Que bom que enfim teremos militares no poder. Já estávamos pedindo isso desde 2014. Ter deixado o Brasil livre deu no que deu. Agora é hora de cada um se por no seu lugar, se recolher ao seu canto e deixar as cidades somente para as pessoas de bem. Que nasça um novo Pinochet no Brasil. Que venham mais militares.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: