Carlos Bolsonaro diz que há gente próxima querendo a morte de seu pai

Ao que parece, teremos dias tensos pela frente.

Carlos Bolsonaro, filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, disse que a morte de Jair Bolsonaro interessa tanto a inimigos declarados como também a gente próxima.

“A morte de Jair Bolsonaro não interessa somente aos inimigos declarados, mas também aos que estão muito perto. Principalmente após de sua posse! É fácil mapear uma pessoa transparente e voluntariosa. Sempre fiz minha parte exaustivamente. Pensem e entendam todo o enredo diário!”, disse, no Twitter.

Esse assunto passa a ser de interesse nacional, dada a forte ligação entre quem falou e o maior interessado.

Claro que afirmar que os inimigos querem ver sua caveira é algo que não surpreende. É justificável pensar assim para quem quase viu o pai ser vítima de um assassinado.

O detalhe macabro é a menção a pessoas próximas. Seria alguém da equipe? Está na transição? E quais os motivos?

House of Cards é pouco pra descrever. Nos resta é torcer pela estabilidade. A ver.

Twitter: https://twitter.com/lucianoayan

Facebook: https://www.facebook.com/ceticismopoliticosc/

9 comentários

  1. Quem é esse viado desse Renato aqui que está tentando difamar o MITO?
    Isso que o filho do capitão falou é muito grave, nós não vamos permitir isso! Nós que votamos no mito vamos se preciso nos colocar na frente dele para que nada aconteça com nosso presidente! Quem OUSAR eliminar o capitão, terá antes de eliminar todos nós que votamos nele, um a um! Nenhum cidadão de bem abandonará nosso presidente.

  2. O Carluxo anda muito nervosa ultimamente, ele é uma bicha ciumenta e morre de ciúmes do seu namorado(sim Carlos é gay mas esconde isso do grande público) o Léozão Índio, boy magia! Ayan, publique meus comentários, não me censure! Não tem coisa mais prazerosa do que esculhambar e escarnecer olavete e bolsominion histérico.

Deixe uma resposta