Anúncios

Sem treta: Bolsonaro faz discurso de estadista em Davos

Quem esperava um discurso focado no “tretismo” de Jair Bolsonaro, em Davos, deve ter ficado decepcionado. Não teve “Deus do Trump”, não teve “fora Soros, que venha Bannon”, não teve xingação, etc.

Claro que teve críticas “à esquerda” e aos governos anteriores, mas é do jogo. No geral, adotou postura de estadista. Muito bom.

Vimos o presidente falar que vai atuar em “sintonia com o mundo” na redução de emissões.

Mandou um alô aos turistas. “Vamos investir pesado na segurança para que vocês nos visitem com suas famílias, pois somos um dos primeiros países em belezas naturais, mas não estamos entre os 40 destinos turísticos mais visitados do mundo”, afirmou.

Leia a íntegra aqui.

Pena que foram só 8 minutos, o que é muito pouco, se considerarmos que ele tinha direito até a 45 minutos.

Twitter: https://twitter.com/lucianoayan

Facebook: https://www.facebook.com/ceticismopoliticosc/

Anúncios

2 comentários em Sem treta: Bolsonaro faz discurso de estadista em Davos

  1. Para com essa alucinação de que Bannon tem influencia sobre o brasil, é encarado como um amigo e nada mais

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: