Anúncios

Mourão faz bem ao dizer que Brasil não deve intervir na Venezuela

Uma das boas notícias recentes foi a declaração do presidente em exercício Hamilton Mourão (PRTB), que negou a possibilidade de que o Brasil participe de algum tipo de intervenção no país vizinho.

“O Brasil não participa de intervenção. Não é da nossa política externa intervir nos assuntos internos de outros países”, declarou Mourão.

Mas por que essa declaração é tão importante? Isso porque se o Brasil intervir militarmente na Venezuela, ampliam-se as possibilidades para restrições de direitos de brasileiros, o que atenderia aos setores com segundas intenções. Obviamente, não há nada nesse sentido em termos factuais, mas todos os sistemas políticos possuem pessoas assim.

Existe um excesso de discurso autoritário hoje em dia em alguns indivíduos setor neocon, e isso talvez se deva ao “apetite por riscos” desta turma. Entrar em guerra enquanto existe um discurso tão belicista internamente nunca foi bom para o povo, em termos históricos.

Nesse clima de discurso violento, usado principalmente internamente, é alto risco (para o povo) que o país entre em guerra.

Em tempo: é corretíssimo que o Brasil lance pressão sobre a Venezuela, apoiando o novo regime, mas a coisa não deve escalar para a ação militar.

Twitter: https://twitter.com/lucianoayan

Facebook: https://www.facebook.com/ceticismopoliticosc/

Anúncios

4 comentários em Mourão faz bem ao dizer que Brasil não deve intervir na Venezuela

  1. Os tubarões ávidos por morte e banho de sangue são irracionais e muito desumanos. Se aprendessem com Sun Tzu, saberiam que perdas de vidas humanas, inflação, gastos de recursos na guerra não é algo bom pra nenhum país.
    Melhor preservar as vidas das pessoas, evitando banhos de sangue. Guerra só quando atacado ou quando todas as alternativas não ter resultado e mesmo assim os preços de uma guerra bem como o risco de se saber como ela acaba ( Pode-se iniciar uma guerra, mas não a terminamos quando queremos) devem ser pesados. Que os tubarões se calem nessa sede por cadáveres.

  2. Não entendi o raciocínio. Ampliam-se as possibilidades de restrição de direitos de brasileiros?

  3. Finalmente um tanto de lucidez na direita!
    Os neocons, que geralmente moram para o Sudeste e Sul, acham que estamos vivendo num jogo de videogame. O máximo que já viram de guerra foi nos filmes. Tudo que o Brasil não está precisando no momento é de uma guerra militar com outro país. Mas vai explicar isso aos neocons que acham que tudo se resolve com debates no YouTube e que guerra é um negócio bacana?

Deixe uma resposta para mrk Cancelar resposta

%d blogueiros gostam disto: