Anúncios
Home Blog Page 3

O Emicida que não tem limites para a arrogância também começa a sofrer humilhação ilimitada

18

Socialistas retintos como o rapper Emicida possuem uma especialidade: intimidar aqueles que deles discordam.

Utilizando tons arrogantes de discurso, pessoas como Emicida acham que podem escravizar as mentes alheias e forçá-las a ficarem caladas unicamente pela força da intimidação.

Mas em relação às polêmicas raciais do momento, Emicida teve surpresas desagradáveis nos últimos dias, como vemos a seguir, após tentar intimidar o pugilista Esquiva Falcão:

Quem é este Emicida para dizer que o outro disse “pá de bosta” e até tentar avaliar a inteligência alheia?

Então xablau:

Anúncios

Garotinho foi preso (de novo) hoje, mas a imagem de sua prisão anterior é que virou meme

0

Nesta quarta (22), o ex-governador Anthony Garotinho foi preso por crimes eleitorais que, segundo o MPF do Rio e a PF, foram cometidos por ele e seu núcleo político.

Junto com Garotinho também forma presos preventivamente Rosinha (sua esposa); Suledil Bernardino, ex-secretário de governo da Prefeitura de Campos dos Goytacazes; e mais duas pessoas.

Os crimes de Garotinho e Rosinha envolvem  corrupção, concussão, participação em organização criminosa e falsidade na prestação das contas eleitorais

Segundo a denúncia, a JBS firmou contrato fictício com uma empresa para repassar R$ 3 milhões para a campanha de Garotinho, em 2014.

Ok, ok…

Mas a imagem que fica na cabeça é a de outra prisão de Garotinho (quando ele deu show de esperneio na ambulância), em novembro de 2016, conforme dica de Joaquin Teixeira:

O Garotinho que disse segunda que “ainda vai aparecer muita sujeira por aí” terminou preso

0

Na segunda (20), o ex-governador Anthony Garotinho estava todo peralta e serelepe em seu Twitter, dando lição de moral a quem tivesse olhos pra ver:

Porém, a felicidade de Garotinho acabou nesta quarta (22) pela manhã.

Ele foi preso hoje com sua mulher, Rosinha, por suspeita de propina de R$ 2,6 milhões do grupo JBS.

A grana decorre de um esquema envolvendo o PT. Segundo o UOL, Anthony Garotinho e Rosinha embolsaram cerca de R$ 3 milhões da JBS via contratos fraudulentos.

Fernanda Torres só chamou um assassino de “cara incrível” por ter perdido todo senso de empatia com as vítimas

7

Poucas coisas são mais vergonhosas do que um vídeo mostrando a atriz ultraesquerdista Fernanda Torres elogiando um assassino que conheceu num presídio.

Porém, por causa de um livro escrito pelo sujeito, chamou-o de “cara incrível”.

Assista e se assuste:

Este é o perfil típico de uma socialista. Para um grupo de pessoas que não se envergonha em elogiar um golpe de estado russo que a partir de 1917 causou a morte de milhões de pessoas, fazer elogios a um assassino não é tão surpreendente.

Para que pessoas elogiem assassinos em público é preciso antes de tudo perder qualquer senso de empatia pelas vítimas.

Quando até o co-fundador do PT César Benjamin detona a hipocrisia de Taís Araújo é sinal de que a coisa está feia

2

No dia da Consciência Negra, o Secretário Municipal de Educação do Rio, César Benjamin, detonou a atriz Taís Araújo.

Isso ocorreu porque a atriz – da elite de artistas milionários da Globo – fez uma narrativa dizendo que “a cor do meu filho faz com que as pessoas mudem de calçada”.

Benjamin, que é co-fundador do PT, disse: “Qualquer idiotice racial prospera. A última delas é uma linda e cheirosa atriz global dizer que as pessoas mudam de calçada quando enxergam o filho dela, que também deve ser lindo e cheiroso”.

De fato, a hipocrisia de Taís está incomodando até alguns esquerdistas, como Benjamin.

Veja o post:

Sakamoto não quer que falem de criança tocando peladão no MAM mas critica trabalho de Maysa no SBT

2

O blogueiro de extrema esquerda Leonardo Sakamoto não admite que cidadãos boicotem exposições onde crianças são induzidas a tocar homens nus.

Veja o que ele escreveu no mês passado:

Porém, o mesmo blogueiro está pistola com o fato do SBT contratar “trabalho infantil”. Vale lembra que a foto da matéria abaixo coloca Maysa como uma “vítima”, mesmo que ela esteja muito melhor do que muitas crianças do Brasil.

Veja o que ele escreveu no domingo:

O senso de prioridade de Sakamoto é mais do que óbvio.

Condenada à morte pelo Estado, Kelly foi estuprada antes de morrer

14

soO Ministério Público em Minas Gerais afirmou na tarde desta terça (21) que a radiologista Kelly Cristina Cadamuro, 22, foi vítima de estupro antes de ser assassinada ao ceder uma carona cobrada, combinada pelo WhatsApp. O crime aconteceu em Frutal, cidade do interior de Minas Gerais, no dia 1º de novembro deste ano. As informações são do UOL.

O caso é especialmente terrível, pois Kelly foi praticamente condenada à morte pelo Estado, uma vez que seu assassino, Jonathan Pereira do Prado, 33, estava preso e havia sido beneficiado por uma “saidinha”. Se não fosse essa “saidinha” da prisão, Jonathan não teria condições de praticar o crime.

Jonathan é considerado responsável pelo assassinato e pelo estupro. Outros dois bandidos são acusados de receptarem o carro da radiologista e também estão presos. A Promotoria denunciou os três.

Em nota, o MP informou que, durante a viagem de carro, o suspeito pediu para que a vítima parasse o veículo. Depois disso, ele teria aplicado um golpe em Kelly, provocando sufocamento, até ela desmaiar. De acordo com a denúncia, Prado retirou a vítima ainda com vida do carro e a arrastado por alguns metros até um matagal, onde a estuprou.

Jonathan já foi denunciado por latrocínio (roubo seguido de morte), estupro, ocultação de cadáver e fraude processual, com os agravantes de ser reincidente e de ter cometido o crime por meio cruel, em estado de embriaguez e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima.

Kelly viajava de sua cidade, São José do Rio Preto (SP), para Itapagipe (MG), onde visitaria seu namorado, um engenheiro de 28 anos. Kelly vivia com os pais e juntava dinheiro para se casar com o namorado, por isso tentava economizar nas viagens dando carona paga.

Segundo a Polícia Civil, que investigou o caso, Prado matou Kelly com socos e com estrangulamento. Procurado, o delegado Bruno Giovanini informou que o inquérito já foi finalizado e que a investigação vai seguir com o Ministério Público.

Que vergonha para aqueles que criaram a lei que permite a “saidinha” até mesmo para criminosos bárbaros como Jonathan.

Dias Toffoli quebra o galho de Janot e impede que CPI convoque Pelella. Significa.

0

De maneira muito suspeita, Raquel Dodge pediu que Dias Toffoli revogasse a convocação do procurador da República Eduardo Pelella para prestar depoimento à CPI da JBS.

Pelella foi braço direito de Janot e está por trás do acordo de total impunidade da JBS. Por causa desse acordo, os irmãos Joesley e Wesley ficaram soltos por vários meses e puderam vender várias empresas. Já são bilhões em empresas e bens vendidos e já se torna impossível que o Estado recupere esses bens.

É claro que há muito interesse por trás de todas as tentativas de brecar as investigações sobre o MPF.

Seja lá como for, Toffoli, como não poderia deixar de ser, atendeu a demanda de Raquel.

A PGR defende que o MPF deve investigar a si próprio, o que dá aos procuradores direitos que não atendem aos demais brasileiros. É uma medida anticonstitucional até a medula.

Era óbvio que Rodrigo Janot respiraria aliviado, tanto que não teve nem mesmo pudor de comemorar no Twitter:

Curiosamente, tem muita gente que diz que “luta contra a corrupção” que está comemorando a medida. Tem até “lavajatistas” que estão tremendo de medo diante da possibilidade desse acordo de total impunidade ser investigado.

Vergonha nacional.

Temer pode cometer vexame tático do ano se cair na chantagem petista e retirar propaganda sobre mandioca de Dilma

1

Já não é segredo para ninguém que Michel Temer é o pior presidente da história do Brasil em termos de jogar a guerra política.

Atenção: isso não é dizer que Temer é o pior presidente da história. Na verdade, tem ido muito bem nas reformas e dado um baile nos governos anteriores nesse quesito. O que estou dizendo é que é o pior presidente em termos de GUERRA POLÍTICA.

Basta observar os principais autores que podemos definir como aqueles que nos ajudaram a definir o termo: David Horowitz, Saul Alinsky, George Lakoff e outros.

Temer não segue absolutamente nenhuma regra desses autores. Ele não polariza as questões, não avança feito trator sobre os oponentes, não usa a rotulagem, não parte para o ataque, capitula desnecessariamente (basta olhar o recorde de recuos humilhantes que ele já fez), não trabalha com os símbolos do medo, não lança pressão sobre inimigos, etc.

Claro que ele tem feito um belo trabalho de avançar uma agenda de reformas, mas a que preço? Por não jogar, conseguiu 3% de popularidade e tende a cair ainda mais desse jeito. Ora, a regra é clara: se você não rotula um oponente, ele vai te rotular em dobro. A popularidade dele sobe na medida em que a tua cai.

Eis que, para surpresa da nação, o PMDB estaria para lançar uma propaganda organizada pela equipe de Temer na qual ele zoaria Dilma por “saudar a mandioca”. Seria um raríssimo ataque feito contra uma senhora que já o chamou de golpista, de frouxo, de bandido e de vários outros epítetos pouco abonadores. Podemos até definir isso como um pequeno ataque ocorrido tarde demais. Mas seria melhor do que nada.

E como diria o Barão de Itararé, de onde menos se espera, daí mesmo é que não sai nada. Começam a surgir notícias de que Temer estaria intervindo para brecar a campanha. A notícia (acreditem se quiser) veio em primeira mão pelo jornalista petista Kennedy Alencar:

Kennedy está usando o recurso da “fake news”, com tentativa de fazê-la virar verdade. O objetivo é influenciar Temer psicologicamente, uma vez que ele costuma cair em todas armadilhas deste tipo.

A técnica de Kennedy é tão óbvia que não deveria enganar nem crianças de 10 anos. Diz: “Pegou mal exibição na Internet”. Bem, na verdade pegou mal entre os petistas. Como era de se esperar. Mas o petista Kennedy quer convencer Temer de que como “pegou mal entre os petistas”, então o PMDB deve cancelar a exibição. De novo, é bom ressaltar: é truque que não deveria enganar nem mesmo uma criança.

Agora os petistas estão organizando ações de “falsos conselhos” na página do partido. Os “falsos conselhos” são recursos tão óbvios que nem precisaríamos de autores da guerra política para entendê-los. Basta ler Sun Tzu.

Combinando os falsos conselhos com chantagens emocionais, os petistas estão tentando intimidar o PMDB:

Agora o jogo está aberto.

Ou Temer não cai nesse jogo e mantém a propaganda – e aí podemos pensar em mudar sua nota na guerra política de zero para 0,02 ou 0,04 – ou então ele continua como merecedor de um zero bem redondo na guerra política.

Se ele cair em truques tão bobos e dar um novo papelão tático tão grande (a ponto de tirar a propaganda do ar), vai ser motivo de troça nas mãos dos petistas por mais um recuo e perderá ainda mais popularidade. Se a propaganda for ao ar, ele pontua positivamente. Vamos ver que destino ele vai escolher.

Aviso final: a propaganda já está no ar a partir das redes sociais. Se ela não passar na TV, Temer se queimará ainda mais entre seus poucos apoiadores, pois a “arregada” será pública. Mas cada arrogante que escolhe o tamanho de seu tombo, não é mesmo?

Linguagem corporal de Taís Araújo complica a atriz durante narrativa vitimista em programa da Globo

24

A Caneta Desesquerdizadora publicou um vídeo desmascarando a atriz Taís Araújo. Leia mais, a partir do site:

Caneta Desesquerdizadora resolveu desmascarar Taís Araújo. Em 2013, Tais afirmou que era neta de austríaca, filha de pai “brancão cheio de sardas” e morava em uma casa onde o “preconceito nunca foi discutido”. Mas em 2015 as coisas “mudaram”.

Tais fala sobre um suposto caso de racismo pelo qual passou em uma das “escolas particulares e tradicionais no Rio” (ou seja, caras) onde estudou. Note que Tais afirma que “negro brasileiro passa por isto diariamente” (enquanto o corpo nega com a cabeça) e que passou por isto “a vida toda, passo até hoje” (o corpo nega novamente com a cabeça e os olhos se fecham para não ver a mentira).

O fato é que Tais Araujo sempre foi rica (“peguei as joias da minha mãe”) e agora se vitimiza para aparecer.

Enfim, não preciso acrescentar muito ao que foi dito acima.

Veja o vídeo de 2013:

Agora vejamos o vídeo mais recente:

Note o que acontece entre os momentos 0:13 e 0:16.

Taís Araújo mexe a cabeça negativamente enquanto faz a declaração simulando que ela sofreria o mesmo preconceito que se abateria sobre as pessoas da periferia. Além da prova já trazida pela Caneta Desesquerdizadora (com o vídeo de 2013), quando alguém balança a cabeça negativamente enquanto faz uma afirmação isso significa que ela está mentindo. É um reflexo inconsciente. Quem já leu Paul Ekman percebe isso logo de cara.

Outra evidência de linguagem corporal é que a atriz fecha os olhos enquanto faz a narrativa. Ou seja, as provas da mentira estão em dobro.

Anúncios
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: